terça-feira, 22 de abril de 2014

As Panteras em cartoon

 
Os Anjos de Charlie, ou As Panteras (Charlie's Angels) fazem esta aparição animada em Scooby-Doo em Hollywood (Scooby-Doo Goes Hollywood, 1979 de Ray Patterson). Uma encarnação muito mais fiel do que a paródia oficial Capitão Caverna e as Panterinhas.

O cartoon foi a estreia de Scooby Doo e sua turma em longa metragem e em horário nobre. Por coincidência (?) o mote é similar à estreia dos Muppets em filme, lançado naquele mesmo ano de 1979.

Salsicha e o inseparável dog alemão estão cansados de correr atrás de monstros e não serem levados a sério como ator. Partem para Hollywood com vários projetos para TV e cinema a fim de darem novo rumo à carreira.

É a desculpa para tudo o que era sucesso naquele tempo ser satirizado, de western spaghetti ao John Travolta (Grease virou Groove). Dá pra chutar perfeitamente o ano em que foi produzido: 1979!

Até porque, a coisa mais recente que cita é Superman (1978 de Richard Donner), então, basta calcular um ano a mais. O desenho tem nem 50 minutos, animação econômica da Hanna-Barbera, não deve ter demorado muito mais que isso pra ficar pronto.

Em “As Panteras do Scooby” o cabelo da Sabrina Duncan está alaranjado muito provavelmente para dar uma disfarçada, para o caso de acusações de plágio. Pelo penteado a loira é a Farrah Fawcett, não Cheryl Ladd, a que estava em atividade.

Elas estão de tocaia na frente de um local repleto de avisos do tipo “Esconderijo dos bandidos”. Sabrina diz que encontraram o esconderijo dos bandidos e Jill comenta que a amiga é sempre a mais inteligente pra descobrir essas coisas.

Veja também:
Scooby-Doo encontra Mama Cass (de dieta!)
Dose de terror pela manhã

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails