sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

Olhos flutuantes de Ted Raimi

Uma Noite Alucinante (Evil Dead 2, 1987 de Sam Raimi)
O Último Trem (The Midnight Meat Train, 2008 de Ryûhei Kitamura)


Após 21 anos Ted Raimi repediu a cena que o tornou famoso: Perdeu um glóbulo ocular! E via pancada na cabeça em ambos casos.

Verdade que no momento em que a velhinha endemoniada perde um olho trata-se de um boneco, mas é o personagem dele. Embora poucos saibam que por debaixo daquela maquiagem está o irmão do diretor Sam.

No recente vemos os nervos dos olhos voando no ar tal e qual em Uma Noite Alucinante. E claro que se espera que a atual moça que berra em frente a ele os engula também...

Mas é um filme muito menos criativo e a referência acaba aí. Se não fosse pela “homenagem” eu já teria esquecido que o vi dia destes, de tão corriqueiro.

Outro caso de japonês que não sabe bem o que fazer no cinema dos EUA. De uma vez por todas, eles não funcionam ao tentar contato com a plateia média norte-americana.

Pra citar outro exemplo com relação ao post, lembremos de Takashi Shimizu. Sob as bênçãos de Sam Raimi refilmou para o público yankee seu ótimo Ju-On de 2002 com resultado quase risível.

Aliás, em O Grito (The Grudge, 2004) Ted Raimi perde apenas o maxilar. Ted está para Sam como Geninho está para She-Ra, a gente sempre fica esperando por ele em qualquer coisa que o irmão dirija ou produza.

Veja também:
Daryl Hannah dirigindo no deserto
Elenco da trilogia Evil Dead hoje


[Ouvindo: The Last Race – Jack Nitzsche]

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails