segunda-feira, 17 de maio de 2010

Três razões para ver este filme

Karen Black professorinha que cede favores sexuais aos alunos

Karen Black sensualizando com o psiquiatra

Karen Black possuída por um espírito demoníaco africano

E a tal da Mariana Ximenes tá muito parecida com a Karen Black na foto do post da novelinha nova. Me fez lembrar desse telefilme que assisti noite dessas.

Três (ou 4? Olha o spoiler...) vezes Karen Black já é motivo suficiente para querer assistir Trilogia do Terror (Trilogy of Terror, 1975). É muito chato, mas ela está qualquer coisa em todas as historinhas.

Baseadas em Richard Matheson, a última é a minha favorita. Me fez gargalhar sozinho em plena madrugada!

E estatuetas possuídas por demônios africanos era o que havia nestas historinhas de horror. Já vi algumas outras com o mesmo recurso.

Ela compra numa loja de antiguidades estatueta africana para presentear o homem com quem vai jantar. No manual do artefato diz que é possuído por um antigo demônio guerreiro africano que é liberado quando o cintinho cai.

Daí que o bonequinho (com cerca de 30 centímetros) cria vida e parte em busca do sangue da solteirona! Consegue facilmente APAVORAR a moça e a gente fica só pensando “Burra! Burra! Burra!”.

Karen Black em luta corporal com o bichinho é o de menos! De ficar voltando o filme pra ver melhor em detalhes!!!!

Veja também:
Karen Black, aquela que eu pensava que é travesti
Karen Black, certinha do La Dolce


[Ouvindo: Honda – G. Sorgini]

6 comentários:

insermini disse...

Although Karen Black does not appear in it I recommend to watch the late sequel Trilogy of Terror II. Zuni fetish Doll is back and the hole movie is very creepy.

Greetings!

Miguel Andrade disse...

insermini, and the doll back? God!!!

qualquergordotemblog disse...

Com a Karen Black eu só vi "Easy Rider" (que tem também aquela menina do "Hey Mickey! Hey Mickey!") e "Uma mistura muito especial 2"("Zapped Again!"), que um rapaz toma uma bebida estranha e consegue levantar o vestido da Linda Blair só com o poder da mente. A Karen faz a substituta da Linda, que leva um cantada do garoto e devolve no mesmo tom. Não sabia que tinha feito esse filme também.

Miguel Andrade disse...

qualquergordo, tem Família Plot do Hitchcock, O Dia do Gafanhoto e MUITOS outros.

A coisa mais recente que eu vi com ela foi o remake de A Casa dos 1000 Corpos. Black faz a velha louca da família

qualquergordotemblog disse...

Obrigado pelas dicas. Não tinha ouvido falar nesse do Hitchcock.

Miguel Andrade disse...

qualquergordo, é o último dele. Bem malhado pela crítica.

Related Posts with Thumbnails