quinta-feira, 16 de maio de 2013

4 vezes jaquetas cinematográficas

Lucifer Rising (1973 de Kenneth Anger)
Procura-se Susan Desesperadamente (Desperately Seeking Susan, 1985 de Susan Seidelman)
Akira (1988 de Katsuhiro Ôtomo)
Drive (2011 de Nicolas Winding Refn)

 Rebeldes de todas as praças não podem ficar sem a sua jaqueta. Pelo menos na cabeça dos figurinistas desde, talvez, Juventude Transviada (Rebel Without a Cause, 1955 de Nicholas Ray).

Algumas destas peças, como os quatros exemplos acima, marcam a conduta dos personagens de forma óbvia. Tornam-se também fetiches para fãs mais consumistas.

 Para quem não tem medo de parecer um cosplay, a Bandai lançou a jaqueta do Kaneda junto a alguns outros produtos. Se o casaco custa 69,800 ienes (900 dólares!), inimaginável o valor de algum protótipo da motoca.

A do recente Driver, com o escorpião, (também oficial), sai por US$ 160. A loja virtual a comercializa como fantasia para o Halloween, o que parece ser bastante dispendioso para tanto.

 Absurdamente Cult, a marcante vestimenta (maioria dos atores aparecem pelados) do curta Lucifer Rising custa 165 Libras (ou cerca de 251 dólares). Periga hoje em dia a gente ser espancado na rua por algum religioso mais fervoroso que desconheça a obra de Kenneth Anger...

Estranho que logo a utilizada por Madonna (que faz a história girar ao ser comprada por Rosanna Arquette) não exista à venda. Encontrei poucos sites com similares quase cômicas, mas esgotada em todas.

Post inspirado em A brief visual chronology of awesome cinematic jackets
Veja também:
4 vezes Chico
4 vezes Lee

2 comentários:

Paula T. Jando disse...

Muito interessante (re)ver em tempos de cons-piração Illuminatti, a jaqueta da madona com o olho que tudo vê...

Seria mais uma a propagar a NWO?

Bjs,
Paula Tenorio.

Miguel Andrade disse...

Paula, e é justo a mais rara de ser encontrada... rs

Related Posts with Thumbnails