quarta-feira, 9 de maio de 2012

Sexta à noite na TV

Em algum ponto de 90 e alguma coisinha, a boa de sexta à noite era ficar em casa vendo TV. O guia de programação da Contigo! mostra que o páreo será duro entre Globo e SBT.

O Cinema de Graça (só o canal do Silvio Santos pra ter sessão de filmes com esse nome....) ataca de Eu (1987 de Walter Hugo Khouri) e a Globo de A Hora do Espanto 2 (Fright Night Part 2, 1988 de Tommy Lee Wallace). Os dois então eram produções relativamente recentes.

Desconhecia que o SBT exibiu filme nacional nesse dia e horário. Lembro que causou frisson passando eles nos domingos à noite, com as musas das pornochanchadas voltando á mídia e tudo.

Enquanto a Manchete exibia umas coisas mais cariocas, o canal paulista atacou de Boca do Lixo. Se há uma essência artística na emissora, é justamente na indústria cinematográfica de São Paulo dos anos 70/80.

17 comentários:

elemesmo disse...

Eu me lembro de assistir "Histórias que as nossas babás não contavam" escondido, só que era no domingo à noite.

Não lembrava que teve um "Fright Night II". É bom?

Miguel Andrade disse...

elemesmo, "Histórias que as nossas babás não contavam" também vi no SBT, num domingo.

Vi esse "Fright Night II", se bobear, nessa sexta aí. Não lembro.

Glauco disse...

Nunca passou pela minha cabeça o SBT exibindo filme nacional. Quanto ao filme Eu, assisti não faz nem um mês... bem que poderia ter uns 70 min. no máximo, ia dar um mesmo.

Miguel Andrade disse...

Glauco, gosto bastante deste Eu. Pena que quando exibiram no SBT era com tons sexuais. Repare no resumo da revista.

Glauco disse...

Não achei ruim, só achei longo. Uma coisa que dá gosto na filmografia do Khouri é o elenco feminino.

Alexandre disse...

Miguel, da época que torloni era uma "bela mulher" hahahaha será que ela já tinha abraçado o budismo?

Miguel Andrade disse...

Glauco, não lembrava dessa duração toda. 123' ZZZZZZZZ!!!

Alexandre, e não fazia chapinha! O arraso mesmo aí é a Evans dando piti gratuitamente peladíssima.

Refer disse...

O SBT teve um programa de filmes de cinema chamado 'Sessão Premiada'. Final dos anos 70, acho.

Com um nome desses, vc acha que passava filme que ganhou Oscar, que foi premiado em Cannes??

Nada disso. Havia um telefone que no meio do programa as pessoas ligavam e ganhavam prêmios do Baú da Felicidade. Era a 'sessão premiada', a cara do SBT e do SS.

Já os filmes eram os mais furrecas possível.

Miguel Andrade disse...

Refer, lembro bem disso! Tudo filme de produtoras B como a Canon.

Dá-lhe Bradock e coisas similares.

Daniel Tavernaro disse...

Tem algo errado ai. O SBT só "estreou" em 81; então a parada dos filmes era na TVS!

Refer disse...

Bão, deve ser, então, TVS.

É que esteticamente e ideologicamente a 'passagem" da TVS para SBT não mudou nada.

Miguel Andrade disse...

Daniel, claro que era TVS. Mas dá no mesmo.

Refer, pois é. Tanto faz.

Daniel Tavernaro disse...

Nossa, gente, ok, entendi a sambada na minha cara, rsrsr.

Mas, tipo, a RedeTV não é a continuação da Manchete, (e como o blog não é lido somente por pessoas mais velhas...)ai achei interessante falar, hahahahah!

Daniel Tavernaro disse...

Cof, cof, meio que me sentido:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Sess%C3%A3o_Premiada

Anos 70? TVS? Oi?

Não muda nada na história, mas bate aquela coisa de "tá vendo, tudo lembrança meio errada", rsrsr.

Miguel Andrade disse...

Daniel, hehehe não foi sambada. Mas já falei muito disso aqui, então, pra não ficarmos naquela de disco riscado, nem estendi muito o post, por exemplo.

Rubens Rodrigues disse...

"Fright Night II" é tão bom quanto o primeiro e parou na hora certa.

Miguel Andrade disse...

Rubens, pena que hoje quase nunca param na hora certa. A regra é até saturar.

Related Posts with Thumbnails