quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

O game mais aborrecedor de todos os tempos!

Fiquei curioso ao ler alguns artigos sobre Flower, o jogo para PlayStation 3 que leva os videogames ao patamar de arte. Benzadeus que a plataforma da Sony nos permite baixar demos!

Não espalha, mas boa maioria do que tem ali eu não queria nem de graça! Quanto mais pagar quase 200 pratas pra tê-lo.

Flower seria do gênero contemplativo, pra gente ficar olhando. O objetivo é, em paisagens cafonas e artificiais, ficar manipulando pétalas de flores como se fossemos o vento. Só!

Após dois minutos já encheu o saco! Nada acontece além disso, não é fácil de manipular as bichinhas e a música new age ajuda a nos querer desligar a TV correndo e a ir ler um bom livro.

A parte curiosa (curiosa mesmo!) é que, não troco os controles há anos e agora eles têm a função de corresponder os movimentos sem apertar nenhum botão. Apenas os movimentando pra cima, pra baixo ou pros lados que as pétalas correspondem na tela.

Entre as coisas mais chatas do PS3 estão as infinitas atualizações gigantescas de vez em sempre, por algo no software que a gente não faz ideia do que se trata. Às vezes também acontecem mágicas tecnológicas nessas horas.

[Ouvindo: Blue – Geoffrey Williams]

2 comentários:

Daniel Tavernaro disse...

Ano passado resolvi me dar um video-game da "nova era", afinal, já tive quase todos: Aari, Master System, Super Nintendo, Playstation, Dreamcast....

Olhei, pesquisei e tal. Meu irmão mais novo tem um XBox 360, com Kinnect. Joguei, achei legal, mas me deu preguiça um video-game que precisa de mais conexão de web que eu, rs. Fora que o aparelhinho que reconhecia movimentos de fato reconhece - se você jogar numa sala ampla, sem móveis ou alguém passando.

O Play3....Achei tudo muito caro, tudo, com muita tecnologia de ponta, enquanto eu queria somente diversão. Fora que ele mantem o nível de interação igual o "pai" primitivo dele, lançado em 95.

Bom, comprei o Wii. Ok, muitos o julgam como infantil, bobo, mas jogá-lo e descobrir os comandos dos jogos e as possibilidades ainda é uma coisa fascinante. E a cada vez que consigo um jogo novo, ainda me assusto coma s possibilidades do controle.

Miguel Andrade disse...

Daniel, fez mau negócio. PS3 pode ser mais caro, mas... Ele substitui vários aparelhos!

Lê Blu-ray, navega livremente pela internet, além dos jogos com maior qualidade gráfica, etc. Acaba sendo barato.

Por exemplo, quem tem PS3 não vê sentido naquelas TVs novas com Gadgets que permitem entrar na internet em alguns sites.

Ruim é que qualquer joguinho custa uma barbaridade e não aceita os piratinhas, alegria do PS One. Dava pra ter um jogo novo toda semana!

Por isso acho joia poder baixar os demos deles, pra checar o que realmente vale comprar. Pena que são poucas opções de demos.

Related Posts with Thumbnails