quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Entretenimento diabólico para homens

Playboys vão pro céu? Então qual o problema de chamar uma revista de mulher pelada de Satan?

E a tal da Judy O’Day é uma espécie de certinha do capeta. Depois de um tempo é que saquei que ela não está em posição de toureiro.

Só está erguendo as roupas. Pensei que fosse um trocadilho visual com os chifres do tinhoso...

O ramo de pinups sempre foi efervescente, se bobear, desde as pinturas rupestres, mas nos anos 50 teve o boom. Embora dessa época geralmente a gente lembra logo de cara apenas de Bettie Page e Tempest Storm.

Nesta página aqui tem fotos da própria Judy O’Day, June King (Oh! Sendo seviciada por Bettie Page!) e Kevin Daley. Como vieram ao mundo, portanto, para apreciação de adultos!

Difícil encontrar as bios dessas moças, mas os anos de janela aqui no blog me fazem imaginar. Deve ser mais ou menos assim: “Nasceu numa pequena cidade, sonhava em se tornar estrela de Hollywood, filha de pais religiosos conservadores, etc.”.

[Ouvindo: Speak Low – Anthony Perkins]

8 comentários:

Leticia disse...

Tudo isso sem perder a pose magnânima, como na noiva abaixo. Elegância!

Miguel Andrade disse...

Letícia, pois é. Nuas mas vestidas de elegância! :D

Leticia disse...

Hoje? Pluft!

Miguel Andrade disse...

Letícia,s e bem que eu dei uma fuçadinha nesse site aí e tinha umas todas arreganhaaaaaaadas também! Hahaha

Leticia disse...

(Essa caixa de comentários vem dando piti há uns dias. repetirei:)

Sim, há as arreganhadas desiludidas, mas o tom predominante é "sou jovem e preciso do dinheiro, um dia quero casar e ter filhos".

Miguel Andrade disse...

Letícia, sim!!!! Já vi uma atriz pornô 70's falando isso.

Não significava uma profissão nem nada! Era um modo de ser liberal apenas.

Também tenho notado os bugs no blogger!

Leticia disse...

É. É sugestão de mãe: aproveite enquanto está com o corpinho bonito...

Miguel Andrade disse...

Letícia, isso faz toda a diferença!

Related Posts with Thumbnails