quarta-feira, 21 de julho de 2010

Parceria pra toda vida

A dobradinha entre Audrey Hepburn e o estilista Givenchy começou em 1954, por causa das filmagens de Sabrina, de Billy Wilder. Conforme o documentário A Maravilhosa Musa da Moda, ela mesma teria tido a idéia de procurá-lo.

Segundo filme da atriz em Hollywood, e embora tenha levado o Oscar com o primeiro, ainda não era considerada de primeira grandeza. Tanto que quando a secretária avisou a Givenchy que “Miss Hepburn” havia marcado uma visita, ficou muito feliz, acreditando se tratar de Katharine Hepburn.

Imagina a carinha de decepção quando a novata adentrou em seu ateliê toda animada! Ele disse que era muito ocupado, sem tempo para criar figurinos!

Pra ela não perder a viagem, poderia escolher algumas peças na arara e utilizar. E assim foi!

Entre as roupas estava o vestido florido, referência no mundo da moda até hoje. Givenchy assistiu ao filme e adorou o resultado, mesmo com os créditos injustamente apontando apenas Edith Head como figurinista.

O resto da história todos nós já conhecemos. Viraram amigos para sempre, trabalhando juntos outras sete vezes até 1987.

[Ouvindo: I Got You Babe – Sonny & Cher]

4 comentários:

Leticia disse...

Óia! Não sabia disso! Obrigada, Miguel!

Miguel Andrade disse...

Letícia, de nada, chuchu!

Leo disse...

Reza a lenda que Audrey protestou quando os créditos do figurino de "Sabrina" foram todos pra dona Edith Head. Pra mim, Hubert era a alma gêmea dela, foram amigos próximos até ela morrer. E ele ainda se aposentou depois da morte dela, como se não fizesse mais sentido vestir alguém se não podia fazer roupas pra ela.

Miguel Andrade disse...

Leo, alma gêmea mesmo. Eu disse isso aqui em casa.

Related Posts with Thumbnails