terça-feira, 6 de abril de 2010

A menor cantora do mundo

Fofa em lá maior! Maria Regina é cantora feita com açúcar, tempero, tudo que há de bom e aquela dose acidental de elemento X!

Na pré história da indústria cultural do Brasil, a menina foi a primeira cantora mirim a gravar seu próprio disco. Filha do maestro Hervé Cordovil, um dos diretores artísticos da Copacabana Discos, que teve a sacada de perceber o filão inexplorado no país.

A pimpolha de três anos, que andava saltitando pela casa, gravou em 1961, já com o título de menor cantora do mundo. As faixas foram A Música do Papai (que lembra a canção da Baby Jane Hudson, né?) e uma versão de Oh, Carol em inglês.

Impossível não dar risada ao final desta quando ela fala “cha cha cha!”. Uma graça! Uma graça!

Para ouvi-las, ou conhecer direitinho a história da Maria Regina, vá ao Chiadofone. Que aliás, é um blog espetacular!

[Ouvindo: The Face I Love - Chris Montez]

10 comentários:

Refer disse...

Hervê CORDOVIL.

Clodovil é o outro. Hervê escreveu 'Pé de manacá' para Isaura Garcia, 'Cabeça Inchada' (Carmélia Alves), 'Uma loira' (Dick Farney), 'Rua Augusta' (Ronnie Cord). Não custava nada dizer que Maria Regina é irmã de Ronnie Cord.
MR teve dois hits em 1961/ 1962, uma música de Natal que eu não lembro o nome e 'Meu barco'.

Miguel Andrade disse...

Refer, ai meu DEUS!!!hahahaha

HA! Clica no link! O Chiadofone tem um belo post sobre isso, inclusive com a música de natal que você não lembra e o nome do irmão da Maria Regina!

Linda Carioca disse...

Ah, que menininha linda ! Já o cara de baixo é bem estranho... beijos !

Miguel Andrade disse...

Linda, não é? Fofuxa!

Leticia disse...

Ela hoje: http://porondecanta.multiply.com/photos/album/201

Fim das contas: casou.

Miguel Andrade disse...

Leticia, "fim das contas" foi ótimo! Muito legal o link! Adorei.

Leticia disse...

Ao lado da dedicação à pintura, o casamento também faz muito sucesso "depois de tudo".

Miguel Andrade disse...

Letícia, casamento, este bastião do sossego de vida!

Refer disse...

Ah não, eu não vou no Viadofone, não senhor. Não gosto de criança, muito menos de criança cantando.

Ela pode ser linduxa, fofuxa, para ti. Pra mim, ela é a cara do Alfred Newman da MAD.

Miguel Andrade disse...

Refer, nem eu gosto, mas a história é boa! Você deve desconfiar o quanto eu gosto de saber "como tudo começou"! hahahaha

Related Posts with Thumbnails