quinta-feira, 16 de julho de 2009

Visitando a casa de John Waters

Provavelmente a casa de John Waters é a mais famosa de Baltimore. Ninguém divulgou tanto aquela cidade, do estado de Maryland, ao mundo quanto o diretor de Pink Flamingos.
Olha, pra quem é conhecido (carinhosamente) como o cineasta do nojo, papa do mau gosto, príncipe do vômito, até que seu lar é bem aconchegante! Ele abriu as portas para um dos livros da série Place Space, sobre em designe e decoração.

Veja algumas fotos:

Repare na cadeira elétrica cenográfica que torra Divine ao final de Problemas Femininos (Female Trouble, 74). Este monte de livros assim, dá certa gastura. Mas quem sou eu pra reclamar de coisas amontoadas?

Pitoresco estes alimentos de café da manhã em plástico espalhados pela casa toda. Visitas devem ser constantemente avisadas que são de mentirinha.

Enfim, eu quero almofadas M-I-G-U-E-L pra minha cama. Um luxo!

Um oferecimento WHORANGE

Veja mais sobre John Waters


14 comentários:

Sala Especial disse...

Bem viado mesmo.

Miguel Andrade disse...

Sala Especial, humpf! Que forma simplificada de ver o mundo!

Letícia disse...

total kitsch, adorei. soy cafona!

Miguel Andrade disse...

Letícia, mas eu esperava mais dele... O ruim de ter uma casa cheia de coisa é a trabalheira que deve dar pra limpar tudo! :D

Leticia disse...

Eu tomei verdadeiro pavor de casas-com-elementos-que-foram-usados-em-filmagens.
Isso por causa do meu ex, cuja casa era cheia de tranqueiras assim. Sobrou pra mim, até.

Pra falar a verdade, eram coisas muito bonitas, porque foram usadas em filme comercial. Meus talheres são dessa época e, de tão bons, não pretendo trocá-los. Minhas cadeiras de diretor vieram dele, também, e adoro as bichinhas. Mas no geral me dá certa gastura.

E concordo que dá um trabalhão pra limpar. Mas aí..., o que fazer? Ou a gente tem uma casa pelada (coisa de que absolutamente não gosto) ou então se propõe a receber o caboclo Isaltina e fazer a faxina geral de quando em quando.

Ass.: a Leticia da Pompeia.

Miguel Andrade disse...

Letiiiiiiicia!!!! Por onde vc anda, minha filha? Já temos agora até uma segunda Letícia na parada!

Leticia disse...

Estou por aqui, marromenos...

Miguel Andrade disse...

Letícia, mas mais pra mais ou mais pra menos?

Tchia Deslogada e Kitsch disse...

Tirando os itens comestíveis-fake, adorei. Também quero uma cadeira elétrica para apoiá meus livros.

Miguel Andrade disse...

Tchia, também teria uma casa assim, hiper na boa.

Letícia disse...

hahah adorei o "temos agora até uma uma segunda Letícia na parada". fazia tempo que lia seu blog, mas nunca havia comentado.. perdi a vergonha ;)

Miguel, de fato a casa do sr. Waters é meio comportada, né? mas essa cadeira elétrica me conquistou. e as prateleiras cheias de livros? senti até um cheiro de sebo.

e sim, dá um trabalho desgraçado tirar tudo isso do lugar para limpar. eu bem sei porque meu apto está mais ou menos nesse caminho, hehe.

Miguel Andrade disse...

Letícia, socorro!

Ah, a outra letícia é figurinha carimbadíssima daqui, uma fofa que até já conheci pessoalmente. Mas ultimamente acho que ela anda de mal... :(

Mary O and The Pink Flamingos disse...

http://tramavirtual.uol.com.br/noticia/2012/08/sete-mary-o

Miguel Andrade disse...

Bem legal, Mary!

Related Posts with Thumbnails