terça-feira, 23 de fevereiro de 2021

Futurismo do Daft Punk não se restringia aos figurinos e técnicas de produção

Na virada do milênio o cenário da indústria musical era bem outro e nada animador. MTV havia deixado de ser as principal vitrine de clips e pra piorar,  programas de compartilhamento mirravam as vendas dos CDs.

Foi aí que o Daft Punk apareceu com seu álbum Discovery em 2001 e o nome não poderia ser mais apropriado. Além de levarem o consumidor a baixar música em seu site graciosamente, ainda transformavam cada faixa em um clip que ao longo de três anos se transformaria no longa metragem Interstella 5555: The 5tory of the 5ecret 5tar 5ystem.

Não havia nem YouTube na época e qualquer serviço de streaming. Estudiosos previam o pior cenário para a indústria musical nos próximos anos e cá estamos nós após 20 anos, assistindo videoclipes pela internet e ouvindo música por streaming!

A grande aventura do Daft Punk acabou esta semana.  Seus feitos além dos hits e prêmios que conquistaram ajudaram a pavimentar a realidade com anos de antecedência.

0 comentários:

Postar um comentário

Antes de comentar, por favor, tenha consciência de que este espaço é disponibilizado para a sua livre opinião sobre o post que você deve ter lido antes.

Opiniões de terceiros não representam necessariamente a do proprietário do blog. Reserva-se o direito de excluir comentários ofensivos, preconceituosos, caluniosos ou publicitários.