sexta-feira, 6 de dezembro de 2019

“Velhinha do Titanic” teve rara trajetória no cinema

 Quem espera sempre alcança é um dos velhos ditados mais otimistas do mundo. Talvez um dos mais falsos também, embora, haja exceções à regra, como o caso da atriz Gloria Stuart, conhecida nas novas gerações como “A Velhinha do Titanic”.

Aos 87 anos de idade conquistou a tão sonhada indicação ao Oscar pelo filme Titanic (1997 de James Cameron). Morreu em 2010, ano em que completou 100 anos, feito largamente divulgados pela mídia (e até neste blogque você lê - Sim! Já estávamos por aqui.).

Hoje sua figura sobrevive num memê, justamente fazendo graça com sua personagem, a “Velha Rose” de Titanic. Certeza que você já viu o “Já faz 84 anos” algumas vezes eu seu feed das redes sociais.
A gente sempre quer saber que por ondem andam ex famosos. No caso de idoso que se tornam famosos, a gente quer saber o contrário, né? Por onde andaram.

Linda e jovem foi disputada pela Paramount e Universal para um contrato. A Universal a levou naquele momento iconográfico de seus filmes de terror nos anos 30, afinal, entre todas aquelas feras era preciso ter belas.

Ela caiu nas graças do diretor James Whale poderoso após Frankenstein (1931). Trabalhou logo em três filmes dele, sendo, o mais conhecido O Homem Invisível (The Invisible Man, 1933), pertencente à galeria de famosos monstros do estúdio.  
Com Claude Rains em O Homem Invisível: nas garras de um monstro clássico
Não vamos esquecer que Bette Davis, então uma novata, foi recusadapelo mesmo Whale para ser a mocinha de Frankenstein. Então, Gloria Stuart caminhou no mesmo universo de Bette Davis que teve uma carreira não menos do que brilhante até sua morte em 1988.

Já Stuart não iria muito longe, embora tenha aparecido em dezenas de filmes na época. A aposentaria aconteceu em 1946, se voltando a alguns trabalhos nos palcos para depois se dedicar a vida de comerciante por décadas.
Junto a Boris Karloff no poster de A Casa Sinistra (The Old Dark House, 1932 de James Whale)
De uma beleza plástica fascinante, Gloria Stuart não era conhecida por dotes dramáticos expressivos.  É obvio que existem outros motivos, mas os trabalhos foram ficando escassos e não vingou como estrela de Hollywood.

Voltaria a trabalhar como atriz apenas na década de 70 em produções televisivas. Ao cinema  apenas na década de 80 sem muito destaque, até, claro, chegar em 1997!
Esperou e alcançou. Gloria Stuart será lembrada por gerações
Em 1997 ocorreu a segunda grande chance de sua vida, 65 anos após sua estreia nas telas. Sua Estrela na Calçada da Fama só seria alcançada em 2000.

Gloria Stuart entrou para a posteridade em grande estilo. A própria achava a trajetória incrível: "Quando me formei no Santa Monica High, em 1927, fui eleita a garota com maior probabilidade de sucesso. Não sabia que demoraria tanto tempo."



Veja também:

0 comentários:

Postar um comentário

Antes de comentar, por favor, tenha consciência de que este espaço é disponibilizado para a sua livre opinião sobre o post que você deve ter lido antes.

Opiniões de terceiros não representam necessariamente a do proprietário do blog. Reserva-se o direito de excluir comentários ofensivos, preconceituosos, caluniosos ou publicitários.