sexta-feira, 19 de julho de 2019

20 anos de Tudo Sobre Minha Mãe: conheça outros títulos com Bette Davis em espanhol

 Se nós achamos estranhos muitos títulos que os filmes ganham no Brasil, na Espanha não é diferente. Tem aquele diálogo de Tudo Sobre Minha Mãe (Todo sobre mi madre,1999, Pedro Almóvar) que não me deixa mentir.
 - Mamãe, o filme vai começar!
-Tô indo!
-“Eva Al Desnudo” (Desnudando Eva)
-Que Mania de trocar títulos. “All About Eve” quer dizer “Tudo sobre Eva”.
              - “Tudo sobre Eva” parece errado.

Fui à cata de outros filmes de Bette Davis cujos títulos em espanhol são bem diferentes tanto dos nossos quanto dos originais. Bem, já sabemos como "A Malvada" ficou lá.

“La solterona” é quase uma intepretação do original The Old Maid, dirigido por Edmund Goulding em 1939. No Brasil ficou “Eu Soube Amar”, bem mais suave.

"La Egoista" aqui é Depois da Tormenta. O título original é Payment on Demand, dirigido por Curtis Bernhardt em 1951. “La Egoista” poderia ser uma tentativa de repetira “A Malvada”, mas sabemos que “All About Eve” teve outro título lá...

 “El favorito de la reina” é a versão hispânica de “The Virgin Queen” (1955 de Henry Koster) e aqui foi “A Rainha Tirana”. Incrível como amávamos dar citações bíblicas referentes a pecado nos títulos (A Mundana, Adorável Pecadora, etc.), mas ninguém mexeu com a virgindade.

“Calmate, Dulce Carlota” é “Hush...Hush, Sweet Charlotte” (1964 de Robert Aldrich) que em espanhol ficou bem mais engraçadinho. O “Com a Maldade na Alma” em português no Brasil soa bem mais forte.

“Su propia victima” é tão enigmático quanto o nosso “Alguém Morreu em Meu Lugar”. “Dead Ringer” dirigido por  Paul Henreid em 1964 é sobre a velha e boa história de gêmeas que trocam de papel, mas em se tratando de Bette Davis não há a bozinha e a mázinha, lógico.

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails