terça-feira, 27 de março de 2018

Conheça alternativa à Netflix só de filmes bizarros

 Existem vários serviços de streaming , já testei muitos, mas nenhum como o Tubi TV. O acervo deles reúne a fina flor do cinema weird, kitsch, grindhouse para todos os bons ou maus gostos.

De obscuras produções de Kung fu 70’s, a coisas recentes com monstro gigante em computação gráfica de baixa resolução. A plataforma é o paraíso para quem foge de banalidades!
Mas nem tudo é obscurantismo no Tubi TV. Há produções de grande nomes como Hitchcock, Fritz Lange, Ida Lupino, Roger Corman (Muito Corman), Samuel Fuller e Herschell Gordon Lewis para serem vista ou revista.

 Tesouros e mais tesouros a serem encontrados, como por exemplo o russo Amphibian Man (Chelovek-Amfibiya de  Vladimir Chebotaryov e Gennadiy Kazanskiy.  Filmado em 1962, mesmo ano em que transcorre a história de A Forma da Água (The Shape of Water, 2017 de  Guillermo del Toro).
E ainda muitos astros queridos reunidos numa só plataforma. Anita Ekberg num filme de vampiros italianos!
Edwige Fenech é a jovem vovó na comédia picante Lover Boy (Grazie... nonna, 1975).
Terror 70's meio Bebê de Rosemary com as futuras panteras Kate Jackson e Cheryl Ladd!
Há ainda documentários, desenhos e programas de TV clássicos e atuais. É possível ficar horas só fuçando o incrível acervo deles, todo com cara de filme, riscadinho, cinema, nada restaurado ao extremo, nem ruim ao ponto de não dar pra assistir.

As melhores coisas do Tubi TV são o preço e as plataformas disponíveis. Sabe quanto custa? ZERO! É tudo de graça, às vezes entra publicidade no começo do vídeo, mas você não desembolsa nada depois que faz um cadastro rápido com nome e e-mail.
É possível utilizar em todas (ou quase todas) plataformas existentes. Tem app para Android (aqui) e iOS (aqui) devidamente compatível com Chromecast, PalyStation (3 e 4!) e ainda dá pra assistir no browser comum do seu computador. (aqui)
Agora, como ninguém é perfeito, há o negativo. Não há legendas em português em nada! Pelo menos ainda não achei. Um dos raros conteúdos na nossa língua é aquele filme dos Barreto com a Luana Piovanni que transpõe o romance de Romeu e Julieta para torcidas de futebol.

Mas fora esse "detalhe", é só alegria mesmo! De qualquer jeito, vale a pena conhecer todo o material disponibilizado por eles. Tudo B de bom. 

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails