segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

Vampira na Turma do Pica-Pau e em outras reencarnações

 Inspetor Willoughby é daquelas coisas que a gente não lembrava mais até rever. Essa espécie de Mister Magoo foi criado por Walter Lantz e fazia parte da turma do Pica-Pau.

Durou apenas 12 aventuras produzidas em 1958 e 1965. O sétimo episódio, Hyde and Sneak (Esconde-esconde aqui), está dublado em português no player abaixo.
Em Esconde-esconde o personagem se vê as voltas com a vilã Vampira Vamp (mesmo nome tanto em inglês quanto português). Pelo visual e pelo nome a personagem é claramente inspirada na apresentadora de TV Vampira.
Criação da modelo Maila Nurmi, Vampira apresentava sensualmente filmes de terror tarde da noite numa emissora de Los Angeles. Isso por volta de 1955, época em que a televisão era um veículo bem limitado.

Ela já foi tema de vários posts aqui no blog (lista de alguns ao final do post), mas não custa recapitular. Sua meteórica trajetória ainda foi tema de um documentário em 2012: Vampira and Me, dirigido por  R.H. Greene, cujo trailer você assiste abaixo.
Vampira fez tanto sucesso que até aqui no Brasil ganhou notinha no jornal Folha de São Paulo naquele ano. Logo caiu em maldição, perdendo o emprego e indo parar no elenco de filme Plan 9 From Outer Space (1958 de Ed Wood) considerado o pior filme de todos os tempos. 
É graças a essa atuação (que ela exigiu não ter texto porque era só abobrinha) que Vampira foi redescoberta pelo grande público nos anos 90, na cinebio de Ed Wood dirigida por Tim Burton em 1994. No filme ela é interpretada por Lisa Marie (foto abaixo), então esposa do diretor.
Antes disso ela teve que lutar bastante, inclusive com as cópias geradas a partir do seu grande sucesso. Muito provavelmente ela não recebeu um centavo pelo desenho Walter Lantz, ou pela criação da caracterização da Mortícia em A Família Adams na série ou a mais recente Elvira entre tantas outras.
O que se sabe é que processou a ex stripper Cassandra Peterson por ter roubado sua personagem na criação da Elvira. Maila Nurmi vivia vendendo bijuterias em 1981 quando produtores lhe chamaram para ajudar a criar um novo show como o apresentado por ela na década de 50.
Quando Maila saiu do projeto contrataram Cassandra e assim nasceu o programa Elvira's Movie Macabre, sessão de filmes de terror estrelados pela sexy e sombria Elvira, do jeitinho que já existia. A veterana apontava a existência de 150 semelhanças entre Vampira e Elvira, inclusive o bordão de encerramento: "Sonhos desagradáveis, darlings".

O juiz deferiu a ação e Elvira seguiu fazendo muito sucesso até hoje, com muitos fãs que provavelmente não conhecem Vampira, a primeira Glamour Ghoul. Azar o deles.

Veja também:
Vampira cantada em verso e prosa
Deu na Folha em 1955
Vampira fala sobre seu romance com James Dean e muito mais
Versão brasileira da Vampira
Maila Nurmi e a vingança dos rejeitados

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails