quarta-feira, 27 de julho de 2016

Só no Brasil: Jem e As Hologramas teve embate de divas da discoteque

Sucesso em todo mundo, a animação musical Jem e As Hologramas teve algo especial quando foi exibida no Brasil pelo SBT em 1988. Enquanto cantavam, as vozes da protagonista e de sua rival foram feitas por Sarah Regina e Lady Zu.

As duas foram representares da disco music brasileira que conquistaram alguns hits nos anos 70, mas na época do desenho new wave eram pouco lembradas do grande público. Assista à abertura do programa com a versão nacional abaixo ou clicando aqui.


Lady Zu (Urânia, líder das desajustadas) emplacou nas pistas em 1977 com o hit “A Noite Vai Chegar”, musica da trilha sonora da novela Sem Lenço, Sem Documento (de Mario Prata). Seu compacto teria vendido nada menos do que 1 milhão de cópias.

Do dia para a noite passou a ser chamada de Donna Summer Brasileira. No player abaixo você assiste a um medley para a TV em seu auge (com ótima qualidade de áudio e vídeo).


Sarah Regina (Jem) tem uma trajetória curiosa e (acredite!) você já a ouviu e a ouve muitas vezes. Seu primeiro disco de 1978 se chamava "A última dança" e vinha com versões em português de sucessos internacionais, produto bem comum na época.

No ano seguinte estouraria com “O Estranho” e “Amor Bandido” para arrasar nas discoteques do país. Assista a uma apresentação da contagiante “Amor Bandido” no programa de Carlos Imperial.

Só que a música disco chegaria ao fim como tudo. O último capítulo da novela Dancin Days em 1979 (que havia inflado a moda no ano anterior) já apontava para a melancolia que viria.

Sarah Regina se casou com Mário Lúcio de Freitas, compositor, produtor musical e diretor de dublagem que trabalhava na TVS, atual SBT. Assim a cantora emplacou a dramática “Sombras” tema de abertura da novela mexicana Os Ricos Também Choram, exibida em 1982.

Sarah gravando temas do longa da Sakura CardCaptors 
E a parceria profissional continuou nas trilhas das novelas Chispirita, A Leoa e outras. Assim ela emprestou a voz também para temas de seriados e desenhos da emissora de Silvio Santos como Punky, a Levada da Breca e Jem e As Hologramas, que ainda tinham as versões das músicas em português assinadas por seu então marido.

O boom dos animes na TV brasileira do começo da década de 90 fez surgir a empresa de dublagem Gota Mágica, de propriedade do mesmo Mário Lúcio de Freitas. E Sarah Regina pôde ser ouvida até na TV Manchete cantando na abertura da primeira temporada de Sailor Moon, considerada a melhor versão.

Além das “Marinheiras da Lua”, Sarah esteve nas trilhas sonora de Cavaleiros do Zodíaco, Dragon Ball, Guerreiras Mágicas de Rayearth e tudo mais que passou pela Gota Mágica. Ela pode não ser mais conhecida do grande público, mas é por fãs de animes, que provavelmente desconhecem seu passado na discoteca.

Atualmente Sarah Regina continua fazendo  backing vocal de estúdio, dublagens, locuções e trabalhos vocais para diversos produtos. Lady Zu se apresenta em casas noturnas, principalmente em noites que tentam reviver os frenéticos dancin days.

Veja também:
Jem: Do lurex ao popeline

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails