sexta-feira, 15 de abril de 2016

Star Babe: a primeiríssima sátira a Star Wars

 O sucesso estrondoso de Star Wars em 1977 gerou não só inevitáveis sequencias como toneladas de cópias e paródias.  E, evidente, versões pornográficas, sendo que o glorioso título de primeira cabe a Star Babe dirigido Jack Genero ainda em 1977.

Tão rápido que daria pra desconfiar que eles se basearam no que viram no trailer, não no filme. Teoria que cai por terra quando vemos máscaras de Darth Vader e Stormtrooper numa ceninha.

Uma obviedade é que o filme aproveita também a série As Panteras (Charlie's Angels), outro grande sucesso da época. Não deve ser à toa que as três lindas garotas em missão no planeta Phallus são chamadas de Star Angels.

Não espere nada sofisticado como as paródias X-Rated comuns na atualidade. A produção é franciscana e boa parte do orçamento deve ter sido gasto em imagens de arquivo de velhas ficções científicas.

De Star Wars mesmo tem o logo similar, alguns riff da trilha sonora de John Williams e as já citadas máscaras vagabundas de Darth Vader e Stormtrooper. Como dizem, se os advogados de George Lucas fossem encrespar, provavelmente teriam pena da miséria generalizada.

Há também um cara que pode ser o Chewbacca, que pelo que entendi, no inicio é um homem numa roupa de gorila, depois aparece com outra máscara (!!!?). Na tradicional sequencia da cantina a boa e velha discoteque dá as caras, como era de se esperar.
Em termos de sexo é bem ousado com sequencia de lesbianismo e até zoofilia (se considerarmos animais o sujeito vestido de gorila e Chewbacca). Ah, os anos 70... Menção honrosa para o uso narrativo do beijo grego de uma das garotas no cara com a máscara de Chewbacca e o nascimento da dúvida: Como é que James Bond não pensou nesse jeito de transportar informações sigilosas?
Claro que elas resolvem a missão no planeta Phallus, mesmo que não nos interesse muito qual era essa missão. Em agradecimento as três recebem a visita de um certo Capitão Marvelous e o final é feliz pra todo mundo.

É possível assistir Star Babe na íntegra nesses sites de vídeos adultos, bom Google! Existe uma versão no YouTube sem as partes hardcore, o que francamente, não tem lá muita graça.

Veja também:
As várias versões X-Rated de Tim Burton
Tarantino em sete versões pornográficas!
Psicose versão xXx
Love sucks: Drácula para maiores de 18 anos
A incrível história do pornô mais caro do mundo
Boogie nights: França vs. EUA
Quadro a Quadro: Boogie Nights e John Holmes


0 comentários:

Related Posts with Thumbnails