quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Morreu ator de Plan 9 (e de muitos outros filmes!)

 Poucos atores tiveram uma carreira que durou quatro décadas, trabalhando com nomes como Steven Spielberg, John Ford. Antes de morrer aos 87 em março último Gregory Walcott tinha a certeza de que as notas de seu falecimento fariam referências apenas Plan 9 From Outer Space (1959) do considerado pior cineasta de todos os tempos.

E afinal, Criswell era o vidente, mas foi Walcott quem acertou esta. Vamos ver se será lembrado no In Memorian do Oscar de 2016 num trecho de Plan 9, coisa que já aconteceu quando sua colega de elenco Vampira morreu em 2008, relembre clicando aqui.

“Ed Wood gravou meu nome nos anais da história do cinema” disse à revista Filmax em 1998, época em que ainda colhia os louros do filme dirigido por Tim Burton sobre o “pior cineasta de todos os tempos” em 1994. Walcott faz um cameo rápido no filme de Burton, como um possível investidor.

Ele conta que foi abordado a primeira vez para Plan 9 com: “Você gostaria de estrelar um filme ao lado da lendária estrela do horror Bela Lugosi?”. A resposta óbvia foi “-Mas Bela Lugosi está morto!”.

Lugosi realmente estava morto há três anos, mas Ed Wood reaproveitou antigas sequencias caseiras e outras de um projeto nunca concluído e voi lá! As cenas com Lugosi não tinham nexo com o resto da história, mas o céu era o limite na cabeça do diretor.

Walcott leu o roteiro e recusou logo, “o script não fazia o menor sentido”.  Acabou topando ser o piloto que lutará contra alienígenas porque um dos produtores executivos, ou seja, o cara que estava colocando a grana, era seu amigo da igreja, o reverendo Ed Reynolds.

Já com alguns trabalhos como ator (no filme de Burton ele parece ser amador, mas não era na verdade), aceitou sem falar nada ao agente. "Eu francamente achava que aquilo só seria exibido fora, nos quintos dos infernos, e ninguém jamais iria assisti-lo.".

Pouco tempo depois, em 1961, ele ficaria conhecido num “filme de verdade”, O Sexto Homem (The Outsider de Delbert Mann) ao lado de Tony Curtis. Título que hoje apenas amantes de filmes de guerra devem saber qual é.


Também como poucos em Hollywood ficou casado por 55 anos até ficar viúvo em 2010 e parece que sempre levou com bom humor a mancha no currículo. Em 2000 disse ao LA Times “Eu não queria ser lembrado por Plan 9, mas é melhor ser lembrado por algo do que por nada, você não acha?".

Algumas informações são um oferecimento Flipboard e Daily Mail

Veja também:
Maila Nurmi e a vingança dos rejeitados
Sorte de Dolores Fuller
Muito mais sobre Ed Wood e equipe

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails