segunda-feira, 4 de agosto de 2014

4 vezes Katey Sagal

  Peggy Bundy em Um Amor de Família (Married... with Children, 1987-1997)
Leela em Futurama (1999-2013)
Helen Norwood em Lost (2005-2010)
Gemma Teller Morrow em Filhos da Anarquia (Sons of Anarchy, 2008-2014)

Graças à série Um Amor de Família Katey Sagal conquistou espaço na galeria de grandes personagens femininos da história da TV. A dona de casa Peggy Bundy será lembrada na posteridade, assim como Samantha, Jeannie, Lucy Ricardo e tantas outras.

Só que Peggy, ao contrário de todas as outras, estava se lixando para os afazeres domésticos. Irreverência à classe média é muito comum até em desenhos animados de hoje, mas uma grande novidade no final dos anos 80, quando a série teve inicio.

Outra peculiaridade dela é que a atriz será eternamente lembrada pelo personagem, mas seguiu trabalhando em projetos bem diferentes. A maldição de apenas um personagem célebre não existe mais na TV dos EUA.

Indicada ao Globo de Ouro quatro vezes, só conquistaria o prêmio em 2011, pela série dramática atual Filhos da Anarquia. Estranhamente, nos seus dez anos de sucesso o programa cômico foi ignorado pelo Emmy.

Katey Sagal não estava começando ali, claro! Nascida na Califórnia em 1954, filha de uma norte-americana com um judeu ucraniano (O falecido diretor Boris Sagal de A Última Esperança da Terra de 1973), tentou equilibrar a carreia de atriz com a de cantora, tendo feito backing vocal para nomes como Bob Dylan e Etta James.

Na televisão teve um de seus primeiros papeis foi no seriado clássico Columbo (1973). Na próxima década de 80 conquistou um papel regular em Mary (1985), a volta de Mary Tyler Moon infelizmente só durou uma temporada.

Assim que encerrou a longa jornada de Um Amor de Família lançou um CD recebido muito bem pela crítica. Para os fãs, aquela altura era difícil levar a sério Peggy Bundy como cantora, o que a fez demorar para voltar a se dedicar à música.

Logo estaria no elenco de vozes de Futurama como a ciclope Leela. Produzido pela Fox na virada do milênio o desenho tornou-se um cult instantâneo, chegando a ser cancelado e anos depois voltar com novos episódios, pelas ótimas vendas dos DVDs.

No 13º episódio da segunda temporada (A Bicyclops Built for Two, 2000), Leela conhece um suposto igual chamado Al Alcazar e decide se casar. A personagem aparece com o visual da Peggy, numa referência à sitcom que a fez famosa.

A pequena participação num dos flasbacks da primeira temporada de Lost (2005) acabou se repetindo na de 2006 e na última de 2010. Seguiu em séries pouco duradoras e participações especiais como em Glee (2013).

Há seis anos está em Filhos da Anarquia, elogiada reviravolta da comédia ao drama. Desde 2004 está casada com Kurt Sutter, criador do programa.

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails