sexta-feira, 6 de junho de 2014

Vashta Nerada em 1969?

Doctor Who - Silence in the Library (2008 de Euros Lyn)
Gangsters da Lua (Moon Zero Two, 1969 de Roy Ward Baker)

São 50 anos de vilões de Doctor Who, sendo que alguns deles, como os robôs Daleks atormentando a série desde o primeiro ano. Vashta Nerada é relativamente recente, mas um dos mais interessantes, inclusive na concepção.

Apareceu pela primeira vez no episódio Silence in the Library de 2008, com roteiro do produtor Steven Moffat. O mesmo que apresentou a duradoura River Song, a “futura ex” esposa do Doctor (Spoileeer!, como a mesma diria).

Vashta Nerada (As Sombras Que Derretem A Carne) são seres microscópicos que em enxame são confundidas com sombras. Existem em quase todo o universo, inclusive na Terra, o que, segundo o Doctor, justificaria o medo ancestral pela escuridão.

Conhecidas com “Piranhas do Ar”, vivem dormentes nas florestas, recolhidas na madeira das árvores, esperando algum ser de carne passar por elas. O episódio transcorre no nosso planeta no século 51, quando tudo foi transformado numa gigantesca biblioteca.

O conceito visual dos astronautas em osso, transformados em errantes canibais, tornaram-se ícones da ficção científica moderna. Instantaneamente estamparam camisetas, viraram bonequinhos...

Mas não era novidade! Muito semelhante ao que é mostrado no filme Gangsters da Lua (Moon Zero Two, 1969 de Roy Ward Baker), da Hammer Films, incursão do estúdio britânico no sci-fi para capitalizar com a chegada do homem à Lua.

Os laços entre a série e a produtora patrícia são estreitos desde sempre. De locações ao estilo inglês de produzir suspense e horror, passando pelo elenco.

 Só pra citar um ator, Patrick Troughton , o segundo Doctor, participou de pelo menos dois filmes da Hammer. Já era celebre na TV pilotando a TARDIS quando interpretou o auxiliar deficiente mental de Drácula (Christopher Lee) em O Conde Drácula (Scars of Dracula, 1970 de Roy Ward Baker).

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails