sexta-feira, 23 de maio de 2014

Patsy Stone em seus tempos de Bond Girl


Raro lobby card alemão de 007 - A Serviço Secreto de Sua Majestade (On Her Majesty's Secret Service, 1969 de Peter R. Hunt) onde a atriz Joanna Lumley tem destaque. Ela é aquela de preto sentada no chão ao centro.

No filme as coisas são diferentes. Ela é só mais uma entre as beldades à disposição do James Bond, seu personagem é identificado apenas como “English Girl”.

Quase entra muda e sai calada, mas consegue um bom close. Bom o suficiente pra qualquer um que tenha assistido a Absolutely Fabulous grite: “Ah, lá a Patsy!!!” .

Estava com 23 anos, topando de tudo, inclusive um pequeno papel em O Abominável Dr. Phibes (The Abominable Dr. Phibes, 1971 de Robert Fuest). Infelizmente a cena não entrou no corte final e ficamos sem ter Joanna Lumley num filme do Vincent Price.

Nesse período picou cartão em totens da cultura pop britânica, como os estúdios Hammer e Amicus. Escapou de Doctor Who até a década de 90, quando num especial de televisão humorístico se tornou a única mulher a interpretar o Doctor.

Ela só ficaria muito conhecida na Inglaterra em 1976, ao participar da nova versão do seriado televisivo Os Vingadores (The Avengers). Por coincidência, mesmo programa que revelou Diana Rigg nos anos 60, aquela que faz James Bond finalmente mudar de estado civil em 007 - A Serviço Secreto de Sua Majestade.

A última aparição da atriz no cinema foi como a pouco confiável tia Emma em O Lobo de Wall Street (The Wolf of Wall Street, 2013 de Martin Scorsese). É seu maior papel numa produção hollywoodiana.

A primeira imagem é um oferecimento Cinema.de, a última Star Pulse

Veja também:
AbFab, O Filme: Talvez sim, talvez não
Patsy no museu de cera
Joanna! Joanna!
Joanna Lumley a Certinha do La Dolce

4 vezes George Lazenby: Ou como desperdiçar a grande chance de sua vida em quatro atos

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails