terça-feira, 11 de fevereiro de 2014

R.I.P. Shirley Temple

A graciosa Shirley Temple faleceu nesta segunda (10) aos 85 anos nos Estados Unidos. Ela é a maior atriz mirim que Hollywood já fabricou, começando a trabalhar aos três anos.

Contratada pela Fox na década de 30 para estrelar adocicadas produções que eram consideradas um alívio perante a Grande Depressão que os EUA passavam. Naquele tempo chegou a ser o astro do estúdio mais bem pago, façanha suplantada por Carmen Miranda na próxima década.

Muitas meninas que nasceram no período foram batizadas com seu nome, a mais famosa delas talvez seja Shirley Maclaine em 1934. Sua figura de cachinhos dourados bem definidos e covinhas na bochecha a transformou num personagem forte do cinema acima dos filmes que participou.

É também muito lembrada nas gerações recentes pelas constantes reprises de O Pássaro Azul (The Blue Bird, 1940 de Walter Lang) na Sessão da Tarde dos anos 80. Espécie de resposta da Fox para O Mágico de Oz (The Wizard of Oz, 1939 de Victor Fleming) da MGM, que cogitou a presença da menina, empréstimo recusado por seu estúdio.

Previsível que a atriz não conseguiu o mesmo êxito profissional ao crescer e perder os atrativos, embora nunca tenha sido esquecida. Shirley Temple é um ícone hollywoodiano, tal e qual Marilyn Monroe, Bruce Lee, Carlitos e poucos outros.

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails