terça-feira, 4 de junho de 2013

Cine BR: Músicas que viraram filmes literais

Faroeste Caboclo (2013 de René Sampaio)
OUÇA!  (links Off)
O Menino da Porteira (1976 de Jeremias Moreira Filho)
OUÇA! 
Coração de Luto (1967 de Eduardo Llorente)
OUÇA! 
O Ébrio (1946 de Gilda de Abreu)
OUÇA! 

A chegada aos cinemas de Faroeste Caboclo faz parte de uma tradição no Brasil. Desde a década de 40 sabe-se que se uma música conta uma historinha e tem apelo popular poderá ser transcrita em imagens.

Historinha que de preferência seja triste, tristíssima! Com gente querida e pobre (injustiçada socialmente?) que morra em algum ponto.

São favas contadas em termos de bilheteria e não precisa ser gênio pra saber disso. Se milhares de pessoas amam aquela música, milhares de pessoas pagarão ingresso para vê-la na tela grande.

O próprio cantor costumava protagonizar a fita, o que é um plus para quem queria ver o artista em pessoa cantando e morava longe dos locais onde ele se apresentava em shows. Num tempo sem TV nem nada, além de rádio e cinema.

Seria Gilda de Abreu, que dirigiu o marido Vicente Celestino em O Ébrio de 1946, uma das vovós do videoclipe? Ali ao lado, Carlos Gardel já emocionava plateias com El día que me quieras (1935 de John Reinhardt), mas a canção não serviu de argumento para o roteiro, no máximo inspirou.

Do mesmo jeito que aqui existem filmes como Fuscão Preto (1983 de Jeremias Moreira Filho ) e Massagem For Man (1983 de José Adalto Cardoso) que apenas emprestaram os títulos dos hits. Ainda foram a oportunidade para Almir Rogério e a loirinha Sharon ficarem imortalizados em celuloide.

O mais bem sucedido talvez seja O Ébrio. O arrasa quarteirão etílico ficou por décadas circulando pelos rincões em projeções improvisadas, mas todos os outros se deram bem tal e qual as canções.

 Estranho e raro o caso de O Menino da Porteira cujo remake de 2009 passou a brancas nuvens em grande circuito. Estrelado por Sérgio Reis em 1976, o original continuou a ser muito procurado nas locadoras ao ser lançado em VHS na década de 80.

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails