sábado, 6 de abril de 2013

Descansa en paz, Bigas Luna

Bigas Luna faleceu ontem (6) em seu país natal, Espanha. O diretor perdeu a luta contra o câncer aos 65 anos de idade.

Conhecido por filmes como Bilbao (1979), Os Olhos da Cidade São Meus (Angush/Angustia, 1987) e Jamón, Jamón (1992), revelou ao mundo beldades como Penélope Cruz. Ainda trabalhou com Javier Bardén (antes do ator se tornar um astro internacional) em As Idades de Lulu (Las edades de Lulú , 1990) e Ovos de Ouro (Huevos de oro, 1993).

Em comum com os conterrâneos Pedro Almodóvar, Carlos Saura e Abel Ferrara, Luna causou burburinho no cenário cinematográfico pela ousada e inventividade de suas obras. Desde a década de 90, assim como quase todos os patrícios, perdeu este brilho diferencial.

4 comentários:

renatocinema disse...

Perda......uma pena. um pecado.

Miguel Andrade disse...

Renato, verdade...

Refer disse...

Desses, acho que só vi Ovos de Ouro. Não gosto desse tipo de cinema espanhol histérico e histriônico.

Miguel Andrade disse...

Refer, que causam estardalhaço a cada lançamento e depois foram prontamente esquecidos.

Eu não gosto de filme famoso pelo erotismo, por exemplo. Não tenho a menor paciência pra isso.

Related Posts with Thumbnails