terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Cinderela às avessas versão Hollywood

Constance Smith, "estrêla" cinematográfica da Fox, num cômodo modêlo de cloquê ornamentado de gola e reversos escoceses cujo casaco se fecha por meio de casas e botões. 
Departamento de publicidade de Hollywood era mesmo uma mão na roda pra revistas de moda de antigamente. Provavelmente esta foto é de algum filme, não de um editorial fashion.

Pra fazer seu star system ter peso, os estúdios iam fazendo manutenção nos contratados famosos e promovendo aspirantes a starlet. Emplacar uma nova celebridade equivalia a encontrar mina de ouro!

Não foi o caso da tal “Constance Smith”. A atriz protagonizou uma vida real trágica, que mais pareceu melodrama mexicano, sem nunca realmente emplacar nas telas com estrela de alguma grandeza.

Seu último trabalho foi em 1959 (O scan de moda nesta página é de 1951), um western spaghetti sem maior expressividade. Mas virou notícia em 1962 ao ser condenada a três meses de prisão por esfaquear o namorado Paul Rotha, renomado documentarista e historiador de cinema britânico.

De proporções internacionais, a Folha de São Paulo noticiou o crime na edição do dia 08 de janeiro. O mote da notícia é “diretor inglês famoso foi esfaqueado pela namorada rejeitada”, ao invés de “ex-atriz esfaqueia namorado”, mesmo ela tendo quase 20 anos de carreira, reflexo de que a carreira nunca deslanchou.

Em 1968 ela voltou a ser presa por mais uma vez esfaquear o affair, sendo agora condenada por tentativa de homicídio. Nos anos 70 eles tentaram morar juntos na Inglaterra, país dele.

Separados, Constance Smith não voltou mais para os EUA. Em depressão, teria tentado suicídio algumas vezes, além de dar entrada em hospitais fragilizada pelo vicio no álcool.

Nos últimos tempos de vida trabalhou, entre outras coisas, como faxineira. Em 2003, aos 75 anos, foi encontrada morta numa calçada de Londres, como completa desconhecida.

A segunda imagem é um oferecimento AllStar Pics

Veja também:
Imitação da arte: Calvário da filha de uma estrela
O Crime que abalou Hollywood
Tentativa de suicídio na primeira página
Atriz e coelhinha condenada por tentativa de homicídio

[Ouvindo: Little Fairy – Easy Going]

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails