segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Quimonos em fúria

Surpresa boa essa minissérie Shogun (1980 de Jerry London).  Dava nada por ele, ou melhor dava: acreditava que era um romance em centeeeenas de minutos.

Até pelo galã 80's supremo Richard Chamberlain encabeçando o elenco. Como não jurar que se trata de um drama açucarado para donas de casa suspirarem enquanto o suflê não fica pronto?

Que nada! Logo no primeiro capítulo rola uma decapitação, submissão, urinadas e mais um monte de violência.

Bacana que apenas os diálogos em inglês são legendados. Em japonês (a maioria do roteiro o é!) nós ficamos desconfortavelmente boiando tal e qual o mocinho da história.

Coisa que eu não entendi é por que uma minissérie tão cara, filmada realmente no Japão, centenas de figurantes, construíram embarcações, apuro histórico e... o protagonista usa uma barba visivelmente fake? Ele devia de estar em cartaz na Broadway na época, blábláblá, mas creio que valeria o sacrifício.


Ainda estou assistindo, então, pretendo voltar a Shogun num futuro post. Ou não!
[Ouvindo: Helicopter US Navy 66 – Manuela]

4 comentários:

Refer disse...

...vai ver o Chamberlain é imberbe... que negócio é esse de galã 80's supremo? Para mim é 60's e 70's também.

Miguel Andrade disse...

Refer, sim! 60 e 70 também. Mas ele foi bem marcante na TV dos anos 80 pra mim.

Ah, pode ser isso. Não deve ter barba.

Alexandre disse...

desconheço esse moço mas fico intrigado com esses efeitos especiais da época, era fake na cara dura kkk

Miguel Andrade disse...

Alexandre, nada! Bem realista até. Na cena é rápido, a gente toma um susto como ele.

Pior os de hoje em que fica evidente a computação gráfica e todo mundo jura que tá realista.

Related Posts with Thumbnails