terça-feira, 24 de janeiro de 2012

Dica para adolescentes da Rita

De se pensar logo de cara: O que esta velha senhora teria a falar à molecada? Estranho conselhos dos mais velhos (ainda que uma über star) em capa de revista.

Não é bem assim! Rita Hayworth estava no máximo com apenas 29 anos aí. Por incrível que pareça...

Antes, mulheres beirando os 30 já eram senhoras. Balzac que o diga! Hayworth do auge dos seus 20 e poucos (no auge da carreira também) podia ser tida como madura o suficiente pra vender dicas a adolescentes.

Se bem que se for dicas de beleza sempre pode. Ninguém mais do que ela, aliás.

A imagem é um oferecimento BudCat14/Ross

Veja também:
Aquela que faz comida boa



24 comentários:

Cl. disse...

Hmm.. deve ser uma dica de como manter as unhas tão grandes, sem lascar! Incrível as unhas da moça. Deve ser lindo ler uma dessas revistas agora. Vc acha tudo na internet ou vc tem mesmo? Vi que vc já postou um monte delas. Bj!

Miguel Andrade disse...

CI,. reparei nas unhas também. Essa foto tem boa qualidade.

Olha, quando há a origem da imagem no final do post é sinal de eu peguei de outro lugar. Importante sempre indicar a fonte de tudo.

Leticia disse...

Para manter unhas grandes sem lascar você não deve fazer absolutamente nada na vida. A bem da higiene, nem tomar o próprio banho, delegando a tarefa a uma criadinha.

Agora, falando sério, ao contrário de hoje, em que qualquer senhoura com as partes pudendas já flácidas se veste e se comporta como uma menina de 15, antigamente as meninas queriam parecer mais velhas. E, para isso, nada era mais eficiente do que afinar as sobrancelhas, passar um batom bem vermelho e enfiar um cigarro na boca.

Miguel Andrade disse...

Letícia, bem reparado! E acho que já falamos sobre isso aqui anos atrás!

Havia um sacrifício estético em parecer "sério", maduro. Jovens não tinha vez na sociedade.

Leticia disse...

Exato. Agora é o contrário. Veja você por exemplo as senhouras daquele "reality" das ricas. Algumas acreditando em caras e bocas de dançarino de tango.

Uma coisa que não entendo: já que são tão ricas assim, por que os botox e as capinhas nos dentes apresentaram resultados tão desastrosos?

Miguel Andrade disse...

Letícia, programa campeão da vergonha alheia!!!

E penso nisso geralmente com retoques estéticos. Se gente endinheirada samba pra conseguir bons resultados, imagina a gente?

Leticia disse...

Falandi nisso, o bafão (eu sabia que aquelas jaquetinhas nos dentes escondem muita ralação: http://veja.abril.com.br/noticia/celebridades/pai-dos-filhos-de-val-marchiori-ela-e-um-monstro

Miguel Andrade disse...

Letícia, mas quem não percebe que berço ali nem passou por perto? Conheço muito o tipo.

Daniel Tavernaro disse...

Bom, já postei lá no longínquo Facebook o que acho dela. Quer dizer, o que acho dele, rs. Pode copiar e colar??

"Acho que é bem maior que isso....A "mulher" oficial nunca separou dele, mesmo quando descobriu suas puladas de cerca, seus filhos fora do casamento.... Será porque hein? Rsrsrs.

Acho que esta Val tem que pegar todo o dinheiro do velho mesmo. Não respeitou o casamento, a família, os filhos antes e agora vem dar uma de pobre coitado? E com todo mundo apludindo como se ele fosse um pobrezinho? Velho ga gá dá nisso: ao invés de tomar cuidado com as "putas" que ele diz ter, as engravida e depois fica dando declaração bombástica......"


E é mais ou menos por ai, rs

Miguel Andrade disse...

Daniel, era você? Fico perdidinho nesse troca-troca de avatar.

Leticia disse...

Concordo, Daniel. O cara fica passeando com suas partes pudendas em tudo quanto é beco e depois muda a chavinha, dando uma de pai de família respeitável?

E onde está que não pediu a guarda dos filhos ainda?

Miguel Andrade disse...

Letícia, como eu disse ao Daniel no FB, o fator camisinha solenemente ignorado! Não tenho pena também não.

Refer disse...

Não sei direito de quem estão falando, mas condenar alguém, seja quem for, porque teve "casos" (fortuitos ou não) fora do casamento é agir como Catão no circo. Esse tipo de fidelidade só existe idealizada na literatura de Nelson Rodrigues.

Os srs. são solteiros, pois não? Caso forem casar, então, aconselho-os a procurar cisnes ou araras que são monogâmicos, porque os humanos não são assim.

Honestamente, vcs acham que seus pais, mães, avôs, avós nunca transaram fora do casamento? Meu santo Deus...

* *
Neste instante, ouço ecos daquela marchinha cantada por Orlando Silva: 'Atira a primeira pedra, Iáiá, aquele que não sofreu por amor...'

Leticia disse...

Mas nós não estamos reclamando de nada, Refer. Quem botou a boca no trombone foi o senhor em questão. Como eu disse, mudou a chavinha, adotando um discurso de digno pai de família.

Se ele dissesse: Sim, comi-a-a-a-a, e daí?, ninguém aqui estava falando nada.

Refer disse...

O tom de vcs não é de reclamação, é de censura, de condenação, de "bem-feito, quem mandou?"

Quem disse que o cara não é um pai de família digno? (que "fez bobagem", que "errou", sei lá)

bah, sou um velho conservador, reacionário e desencantado.

Miguel Andrade disse...

Refer, pegou o bonde andando, correu pra janelinha, né?

Letícia, yes! Quem se expõe está procurando o quê? Aliás, de ambas as partes.

O Refer só é "velho conservador, reacionário e desencantado" ao que lhe convém. O primeiro a clamar pela preservação da moral da sociedade "normal", mas nessa normalidade deve incluir puladas de cercas. Heterossexuais, evidentemente!

Refer disse...

Miguel, vc é um 'jovem' que distorce e atropela as colocações deste conservador velho por vc ter um preconceito brutal contra o mundo que chama de 'normal', mas que não é mais nem menos que o mundo verdadeiro, não idealizado.

Amplio o conselho, então: vcs todos, héteros E HOMOS, homens e mulheres, se forem casar procurem por cisnes e araras que são monogâmicos. Assim, não terão de conviver nem padecer com o que o Miguel chama de 'pulada de cerca' do OUTRO - uma vez que vcs, que são mais fiéis do que as viúvas/viúvos de crônica de Nelson Rodrigues, JAMAIS seriam capazes de cometer uma traição ou algo assim. Não é?

* *
Parece que os avestruzes também são monogâmicos, Miguel.
* *
Vão nessa, macacada, e sejam felizes!

Miguel Andrade disse...

Refer, não me entendeu pra variar. mas enfim...

E em nenhum momento disse (ou a Letícia e o Daniel) de que não pulamos a cerca. É um caso específico de alguém que se expõe publicamente como muito chique

Refer disse...

Ah é? Sério?
Então vcs "pulam a cerca"?? Estou deveras surpreso e profundamente desapontado. Pôxa, nunca imaginei.

Quer dizer, mesmo na possibilidade de vc vir a se casar com uma arara, vc vai ter a bárbara coragem de ter relações out of wedlock??

Que puta papelão, Miguel Andrade..., não vai nem respeitar a monogamia do outro? Vai 'botar chifre' no infeliz psitacídeo?

Pois é, mesmo assim, vcs se dão o direito de espinafrar quem faz o mesmo.

(agora, falando sério, caraio, eu só me meto em confusão e discussão inútil)

Miguel Andrade disse...

Refer, não dizer uma coisa não significa necessariamente que a fazemos. Ou não.

Senhor não compreendeu o que estávamos discutindo. Invejo não saber do que se trata "Mulheres Ricas".

Refer disse...

Agora, vc está relativizando tudo. Ou não.

Parece o Caetano Velô. Ou não.

E eu tenho de parar de comentar nesta pinoia de blog. Ou não.

(Acho que com a reforma, 'pinoia' perde o acento. ?Ou não?)

Miguel Andrade disse...

Refer, não!

Daniel Tavernaro disse...

Refer!

Ai Jesus!

Bom, resumão do capítulo: um velho bilionário cheio das amantes se atraca com uma que engravida de...gêmeos! Ele decide ir morar com ela, largar a família e o casamento de 30 e trá-lá-lá anos. Dá tudo do bom, do melhor e do caro pra loira.Fica por uns anos e depois decide chutá-la, e colocar a boca no trombone... Sabe, chamá-la de puta, de vagabunda, de louca, de psicopata... Essas coisas que toda mulher é culpada quando "se é amante" e termina um "lindo" casamento.

Não reclamei da separação ou da traição e sim sobre a nova "postura" do velho do frango. Está agindo como se fosse uma vítima de tudo, um pobre coitado que se deixou seduzir.... Tenha a santa paciência, seja homem e admita né? E, sim, quero que a novinha pegue todo e qualquer dinheiro dele. Porque a esposa das antigas está dizendo tão bem do tal casamento de quase 40 anos que chega a irritar...Ou você é o único que não chutaria o pau da barraca caso descobrisse um mundo particular de traições, mentiras, idiotices e fingimento do seu(a) parceiro(a)?

Lógico, a mais experta, até agora, é a velha, que não se separou e tem uns bilhões para gastar - mesmo sendo chifruda, feia, baranga, velha....

No mais, Refer, é isso. Trair nem é o problema; o problema é você não saber fazer e ficar tendo que expôr sua vida sexual num jornal depois...

Miguel Andrade disse...

Daniel, a meu ver o mais importante é: O que todos nós temos com isso? Por que essa gente quer ficar famosa às custas das mazelas privadas? rs

Related Posts with Thumbnails