sexta-feira, 8 de julho de 2011

Super oportunidade de negócio!

Realize o sonho de ser o feliz proprietário de um espremedor de frutas Hebe Camargo!!! O que ela aprova. Embora não deva entrar numa cozinha há uns 70 anos.

AntôniÔ, minha laranjada tá pronta? Se for pra misturar água tem que ser dos filtros Europa by Hebe!
Sou do tempo em que a Hebe tomava numa golada só copada de Antarctica. Ao vivo! E a gente em casa torcendo pra ela ser de carne e osso e arrotar logo em seguida.
O vendedor do Mercado Livre deixa claro que é antigo. Mas a Hebe tá igual! Linda de vi-ver!
E tá uma pechincha e ainda dá pra parcelar em 12 vezes. Ah se fosse 220 volts...

O link é um oferecimento @victor_calazans
[Ouvindo: Karam - Özkartal, Hüsnü Orkestrasi]

13 comentários:

Jôka P. disse...

Oi Miguel!
Eu e o Moysés nos conhecemos há pouco mais de 1 ano através de comentários aqui no seu maravilhoso "La Dolce Vita", nos falamos algumas vezes pelo twitter, marcamos um café, ficamos amigos, depois muito amigos, depois namoramos, nos apaixonamos e hoje oficializamos definitivamente a nossa união estável no Cartório de Copacabana. Estamos legalmente casados e consideramos você o nosso padrinho. Venho portantanto não somente lhe participar como principalmente lhe agradecer de coração por tudo isso! Estamos muito felizes! Um grande abraço e que você tenha essa nossa felicidade em dobro, viu!
http://avenidacopacabana.blogspot.com/2011/07/arroz-e-amendoin.html
PS: o novo visual do seu blog está chique e incrível!

Miguel Andrade disse...

Jôka, UAU!!!!! Então já rolou até casório por aqui?

Muito legal! Muito legal! Fiquei feliz, emocionado e agradecido por terem se lembrado de mim como padrinho! Hahaha

Muita felicidade aos dois! =)

Refer disse...

Não posso deixar de mandar um 'alô' para o Jôka e o Moysés, de quem me acostumei a ler os comentários inteligentes, bem-humorados neste espacinho retangular há, sei lá, uns 3 anos.

Desejo muitas felicidades para ambos.

Refer

Jôka P. disse...

Valeu Refer!

Miguel Andrade disse...

Refer e Jôka, daquelas ironias bizarras da vida: Quando eu estava escrevendo este post fiquei pensando que tipo de gente guarda um espremedor na caixa por décadas?

Gente que ganhou dois como presente de CASAMENTO e não conseguiu trocar na loja. Era bem comum.

Leticia disse...

Jôka e Moysés, que luxo!!!!!!

Muitas felicidades aos dois!

Não sei se é o plano de vocês, mas a criança da minha vida (meu sobrinho) tb. é fruto de um encontro internetístico feliz.

Mil, mil, mil votos de uma vida a dois bem bacana!

Miguel, guardar na caixa não é nada. Difícil é usar essas coisas e tentar limpar pra ficar como novo. Minha mãe tem um espremedor (não é da Hebe, é um Walita, acho) que o suco ENTRANHOU naquele plástico, não há cândida que dê jeito!

Miguel Andrade disse...

Letícia, ficou cor de laranja? Se desse pra pintar propositalmente.

Daniel Tavernaro disse...

Inveja define, rs. Super cabalístico, meio surreal. Sucesso, amor e paz aos dois!

Miguel Andrade disse...

Daniel, meio surreal? Achei incrível!

Duas pessoas que se conheceram nestes retangulozinhos nos rincões da Internet!

Leticia disse...

Pintar?!

No chance... ficou encardido lá dentro mesmo, no recipiente.

Miguel Andrade disse...

Letícia, outro eletrodoméstico inútil ocupando precioso espaço no armario. Sabe que já fiquei tentado a comprar aquele milagroso extrator de sucos do Polishop, mas desisti pensando no fim empoeirado que ele tomaria dia menos dia.

Leticia disse...

Tranqueiras, tranqueiras, que fazem a festa de senhoras nervosas...

O único eletrodoméstico DE FATO que arrumou a vida do cerumano foi a máquina de lavar.

Miguel Andrade disse...

Letícia, bem lembrado. O único realmente útil e que faz falta é a máquina de lavar.

Related Posts with Thumbnails