segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Questão de cérebro

O Cérebro Que Não Queria Morrer (The Brain That Wouldn't Die!, 1962 de Joseph Green) está um passinho além da boa maioria dos filmes B. Pode claramente ser um passatempo saudável aos de boa fé.

A maioria dessas produções de cinema fantástico vagabundas são idéias divertidas, efeitos especiais involuntariamente cômicos, mas têm roteiros igualmente defeituosos. Substituem a falta de verba por muitas cenas de blábláblá.

Embora quase sempre com curta duração, costumam ser matéria árdua chegar ao final. Roteiros ruins superam toda e qualquer outra tosquice deles.

Não é o caso deste! Bastante engraçado do começo ao fim, e levíssimo, dá pra ver e rever inteiro.

Um casal de médicos apaixonadíssimo sofre um acidente de carro. Na correria, ele só consegue salvar a cabeça da namorada, simplesmente puxando e enrolando no paletó.

Daí, o resto é ele freqüentando o underground atrás de um corpo perfeito que consiga substituir o perdido pela amada. Boa desculpa para entrar em cena MUITAS aspirantes a atriz dispostas a aparecer com pouquíssima roupa.

Gosto especialmente quando duas moças de boate se engalfinham pelo perigoso cientista louco. Um espetáculo à parte na velha arte da pancadaria de piranha, veja os screenshotes clicando aqui.

Ah! Detalhe que o título é uma mentira. A cabeça falante não faz outra coisa que não seja clamar por morrer logo.

No Brasil, O Cérebro Que Não Queria Morrer foi distribuído em DVD pela Fantasy Music na série Sessão da Meia-Note. Infelizmente é acompanhado de A Besta da Caverna Assombrada (Beast from Haunted Cave, 1960 de Monte Hellman), bastante inferior.

Vem com trailers, clima de drive-in e pode ser encontrado à venda em qualquer biboca. E o melhor, a preço de amendoim torradinho!

PS: Para quem quiser fazer download (embora a compra valha a pena!), ele pode ser baixado graciosamente no Internet Archive.

Imagens são oferecimento Magic Carpet Burn

[Ouvindo: You Do Something To Me – Leo Reisman]

8 comentários:

Glauco disse...

Dessa série Sessão da Meia-noite eu tenho A Mulher Vespa do Corman que vem com mais algum que não lembro. Esses lançados, assim como os da London fazem falta no mercado nacional.

Miguel Andrade disse...

Glauco, este da Mulher Vespa é justamente o que não tenho! :(

Sim! Vi muita coisa exótica graças a estas distribuidoras pequenas.

Claro que com banda larga vi muito mais, mas nada como ter filme bom bonitinho em DVD na estante.

Glauco disse...

Nada, Miguel, nada...

Miguel Andrade disse...

Glauco, uma coisa povo que fica baixando coisa que é tão mais bacana comprar o disco prontinho.

qualquergordotemblog disse...

A trama me lembra um pouco de "Médico Erótico" (The Man with two brains)com Steve Martin e de "Frankenhooker", também sobre um cara que salva a cabeça da mulher amada e quer juntar com pedaços de outras mulheres.

Miguel Andrade disse...

qualquergordo, parece ser sim. Nunca vi esse do Steve Martin.

Passava bastante na Bandeirantes antigamente.

qualquergordotemblog disse...

Do Steve Martin passava no SBT. É do Carl Reiner e tem a Kathleen Turner no elenco.

Miguel Andrade disse...

qualquergordo, antes, bem antes, era da Bandeirantes. CERTEZA disso!

Related Posts with Thumbnails