quinta-feira, 8 de julho de 2010

Patrono dos peladões

E vai me dizer que você não presta sempre mais atenção pra qualquer manifestação que seja quando sabe que tem gente pelada ali no meio? Protesto a favor da minoria egípcia vegetariana na indonésia!

Teve um tempo que aqui no Brasil passaram a surgir loirinhas de peitões expostos, balançando a bandeira nacional. Não é melhor que os óbvios entregadores de pizza e narizes de palhaço?

Enfim, isso tudo pode ter se popularizado graças a esta foto de 1974. Quando o australiano Michael O'Brien (como veio ao mundo) invadiu uma partida de rúgbi entre Inglaterra e França.

Galera correu pra cobrir suas vergonhas. Irônico que as intenções do rapaz não ficaram para a posteridade, mas a imagem é imortal.

O fotógrafo Ian Bradshaw registrou o momento de sua expulsão de campo, a Life Magazine a premiou como a foto do ano e... Tcharam! Estava consagrado o movimento streaking na era moderna.

Com incríveis tons sacros, ganhou inúmeros prêmios, e seu autor Bradshaw (como era de se esperar) jamais conseguiu algum trabalho tão forte. Ultimamente se dedica a fotos educacionais como se pode ver em seu site oficial.

Entusiastas da prática: you're welcome! O verbete da wiki em inglês é bem extenso, enumerando momentos famosos do movimento.

[Ouvindo: Boss Tres Bien – Quartette Tres Bien]

2 comentários:

Refer disse...

O policial que o capturou e usou o capacete para cobri-lo disse: 'Não quero parecer blasfemo, mas O'Brien parecia o Cristo.' Olhando a foto não dá para discordar: o ângulo dos braços abertos, a posição dos pés, o desenho do corpo; parece que ele está começando a subir para o céu.

Miguel Andrade disse...

Refer, e a posição dos dedos! Eu curto o tiozinho o fundo correndo com um casaco!

Related Posts with Thumbnails