quinta-feira, 29 de abril de 2010

Karaokê pra quê?

E nipófilo que sou, não há o que venha do Japão que eu não curta. De filme de monstro a balinha azeda.

Ou quase isso, porque nunca vi graça alguma em karaokê! Acho irritante estar num ambiente ouvindo música ruim, mesmo entre amigos.

Menos mal que os estabelecimentos deles que prestam este serviço têm áreas privadas. Basta a gente recusar o convite dos amigos e ponto!

Lugares brasileiros com karaokê expõem todos os clientes a esse constrangimento. Sorte que a modinha não pegou pra valer aqui.

Pensando bem, tem outra coisa japonesa que eu detesto. Aquele arroz empapado e com gosto de nada!

Se alguém me falasse que aquilo faz parte da filosofia milenar deles eu não discutiria. Como lembrança cármica de que para tudo fabuloso nessa vida há muito compensação desagradável.

Voltando ao karaokê, Be My Baby da Ellie Greenwich deve ser um dos top hits eternos. Ouça no player abaixo a versão na voz da belezinha Mieko Hirota.
Mieko Hirota tem esse nome de filha de Baby do Brasil, mas é uma grande dama da canção local. Também conhecida como 弘田三枝子, ou simplesmente Mico.

As imagens são um oferecimento Pepper Mint Kiss Kiss

[Ouvindo: Still on the Road - Rosemary Clooney]

12 comentários:

Refer disse...

Nome japonês é uma complicação. Na dublagem do anime Inu Yasha, a heroína Kagome teve o nome mudado para Agome.

E japa, já viu, né?, tem outros nomes complicadíssimos, caso de Fugiru Nakombi, Sugaro Otoko, Tomaru Noku e Osako Tamucho

Miguel Andrade disse...

Refer, hahahaha! Sem comentários.

Refer disse...

Desculpem, foi mais forte do que eu.

Há muito tempo sigo e curto um site de pop oriental da pesada, Questing Bandstand - The Golden Age In The Far East

http://questing.wordpress.com/

Tem Mieko Hirota, Agnes Chan, Rita Chao e uma porrada de princesas pop orientais.

Miguel Andrade disse...

Refer, acho que o senhor já o tinha recomendado... :D

Pelo menos já está no meu leitor de feeds. Obrigado mesmo assim!

Refer disse...

...ora.

vc precisa fazer um sightseeing tour pela Liberdade com a d. Célia que conhece todas as quebradas do bairro. Cá entre nós, acho que ela tem conexões com a Yakuza.

todo dia, discretamente, olho os dedos dela pra ver se falta alguma falange.

Miguel Andrade disse...

Refer, opa! Não precisa nem falar duas vezes! É sério que ela conhece de tudo por lá? Me convida?

Leticia disse...

Olha que, pela companhia dos três, eu até me convidaria, não fosse a falta de tempo e a total dessincronia com as niponices...

Mas essas fotos foram escolhidas a dedo por causa dos apliques de cabelo, Miguel, fala a verdade!

Miguel Andrade disse...

Letícia, a legenda da primeira foto é "Before plastic surgery". Irresistível!

Leticia disse...

Ocidentalizô!

Miguel Andrade disse...

Letícia, já viu o video no You Tube onde uma japonesinha ensina a fazer em casa olhos ocidentais com cola? Bizarro!

Leticia disse...

Não, Miguel, só sabia dos implantes pra aumentar as pernas. Tenho um probleminha com esse tipo de perseverança.

Aliás, nunca aprendi direito a maquiar os meus olhos pra aumentá-los um pouco, o que dirá uma colinha básica?

Miguel Andrade disse...

Letícia, seguindo a lógica dos mangás, olhos grandes alma grande.

Related Posts with Thumbnails