sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009

Aquela que faz comida boa


Olha como as coisas são. Antigamente precisava de muito pouco pra ser velha!

Patricia Neal tinha (pelos meus cálculos) apenas 35 anos quando interpretou a coroa magnata que sustenta o mocinho em Bonequinha de Luxo (61). Papel que agora ficaria bem numa cinquentona entediada.

[Ouvindo: Partido Alto – Caetano e Chico]

Columbia girl em momento periguete


Tai uma que nunca me enganou! Toda séria de toga, se achando com a tocha em cima...

A máscara caiu na abertura de Até que Enfim que é Sexta Feira! (1978). Até dá pra ver as coxas enquanto requebra as cadeiras a lá vonté.

Alguns outros momentos extravagantes da mocinha (mas nem tanto) da Columbia, além de sua real história, você confere aqui.

Nem sempre se pode ser Deus


Anúncio brasileiro para Labirinto - A Magia do Tempo (Labyrinth, 1986) com David Bowie e Jennifer Connelly. Repare na esperteza da tagline no topo: “Uma estória maravilhosa de fantasia sem fim”.

Dá pra imaginar o departamento de publicidade quebrando a cachola pra encaixar numa frase as palavras “estória” e “sem fim”. E não adiantou ABSOLUTAMENTE nada...

[Ouvindo: Getta Bloomin' Move On! (Self Preservation Society) – Quincy Jones]

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

Relendo Dietrich


Duas "reencarnações" de Marlene Dietrich. Demi Moore com fantasia de gorila, tal e qual em Blonde Venus (1932), e Marilyn Monroe irreconhecível como O Anjo Azul (1930).

Não tem como não lembrar que Madonna tentou forte no início dos 90. Começando no visual a lá Kismet (1944) em Vogue, até desembocar na chuva de referenciais nos figurinos de Dolce & Gabbana pra turnê The Girlie Show (1992).

[Ouvindo: Spooky – Dusty Springfield]

Ladies and gentlemen:

E tremei os portadores da doença incurável que transformou toda a população terrestre em zumbis-vampiros!!!

[Ouvindo: Nel Pancione Della TV – Nicola Piovani]

Pausa para nossos comerciais

Coca-Cola é isso aí

Foi-se o tempo em que a Coca-Cola investia ferozmente em marketing. Ou que se sentia ameaçada pela Pepsi para tanto esforço. Era um novo slogan a cada temporada. Desde “Sempre Coca-Cola” não faço idéia de qual seja.

[Ouvindo: We Will Do - Lagartos de Saturno]

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009

A incrível história do pornô mais caro

Pra se destacar no meio da montanha de filmes pornográficos lançados a cada semana é preciso ter algo muito especial. Centurians of Rome rivaliza com Garganta Profunda, e pode ser considerado uma lenda no gênero.

Produzido na esteira de Calígula em 1981, ostentou o título do pornô gay mais caro de todos os tempos. Era finzinho da era dourada dos X-Rated retratada em Boogie Nights, quando o vídeo tape consumiu qualquer possibilidade de se fazer arte com sexo explícito.

Enquanto a média era feita com muita boa vontade, rodados em locações miseráveis, Centurians of Rome consumiu absurdos (para a época) 100 mil dólares! Isso em valores não corrigidos para 2009.



Dinheiro empregado na contratação de 31 atores, incluindo alguns dos maiores astros do momento como Scorpio e George Payne (especialista em filmes heteros). Além disso, pode-se ver cenários com masmorras realistas, figurinos rebuscados e na trilha sonora o reaproveitamento até de Bernard Hermann.

A parte mais curiosa de tudo é que, segundo o IMDB, todo este dinheiro foi fruto do roubo, feito por um motorista do carro-forte da transportadora de valores Brinks. Como o crime acabou descoberto antes do lançamento da película, a tradicional seguradora Lloyd's of London passou a ser involuntariamente co-produtora da obra.

Veja também:
Garganta Profunda, sinos e jorrões
Clássicos da pornoteca
Porn stars também se apagam
pôsteres de filme pornô ou sexploitation
O que terá acontecido a Germano Vezzani?
A grande chance de Bill Cable


Filho único já!


Cartaz chinês “incentivando” que os casais tenham apenas um filho. Repare nas aspas...

Discussões democráticas á parte, não seria mal a adoção de campanha similar nos países emergentes. Ali embaixo poderia estar escrito “Você sabe o preço da fralda descartável?”.

[Ouvindo: Il Veglione – Gianni Ferrio]

Aos amigos kiss Kiss...


Isabella Rossellini e o misterioso glamour de belas garotas empunhando armas de fogo. Há outra imagem boa aqui.

[Ouvindo: It's The Little Things – Voicedude]

Palmas aos grandes perdedores

Esta montagem, com trechos dos grandes clássicos preteridos ao Oscar, é uma gentileza do E-Motion Movies. E é de cair o queixo..

Isso apenas os indicados á categoria melhor filme. Se acrescentarmos todas as vezes que a Academia votou por politicagem e não por valor artístico, teríamos um vídeo de duração maior que ...E O Vento Levou .

Sim, sim! Meu filme de cabeceira está incluído aí.

[Ouvindo: Canto De Ossanha – Bossa Jazz Trio]

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2009

Como ajudar nas finanças de papai

Crise mundial? Cylene vai à luta!

E não seria Nélio, o magnata boa pinta e sensato, que deixaria filha de amigo na penúria. Uia!

[Ouvindo: Wajo (Come And Dance) – Akido]

Legenda pronta


Regina Duarte. Desde 1967 com medo, muito medo


[Ouvindo: Marie Douceur Marie Colere – Marie Laforet]

R.I.P. Ida Gomes

Só uma fabulosa atriz nos faria acreditar piamente que Bette Davis fala português. Seu trabalho é imortal em nossa imaginação.

[Ouvindo: Speedo – The Angels]

Desintoxicação de samba-enredo


A 18ª faixa, intitulada Brazil, é na verdade Aquarela do Brasil, tocada por Roy Lanham da forma mais “musica de elevador” do que você possa imaginar.

E é esse o espírito de todo o disco, vai bem de fundo durante um almoço nos trópicos. Ou pra ler um livro, se você é como eu e se sente incomodado com o silêncio.

Sizzling Strings está em cartaz no El Diablo Tun Tun.

[Ouvindo: Gli Occhi Freddi Della Paura – Ennio Morricone]

domingo, 22 de fevereiro de 2009

Calada noite preta


Não posso ver garotas (ou senhoras) em perigo que me comovo pacas!

E não foi dia destes que deu no G1 o ataque de um lobisomem nos cafundós do Brasil? Com retrato falado e tudo! Igualzinho a este de O Lobisomem de Londres.

Matéria devidamente salvada em PDF pra posteridade!

[Ouvindo: Quick Trip Into The Future – Russ Garcia]

Ai bota aqui, ai bota aqui o seu pezinho


Falando em Tarantino, me lembrei desta capa. E ainda por cima ensina a fazer amor como uma bruxa!

E o mundo gira e não consigo achar graça em chamar sexo de amor. Mas é uma revista feminina. Mulheres costumam confundir as bolas.

Ainda no embalo, veja todos os pés de Tarantino!

[Ouvindo: Lullaby Of Broadway – Dick Powell]

O homem mais desejado de Hollywood


Na real, Oscar só serve pra gente ver com os olhos e lamber com a testa a badalação dos astros e filmes independentes ou de outros países ganharem distribuição internacional. Mas tem gente que nasceu ontem e acaba levando a sério...

E a senhora não está vendo coisas... Madonna não ganhou o Oscar e oxalá não ganhará jamé! A moça, que de burra não tem nada, desde sempre tem o hábito de virar amiga de infância de qualquer um que esteja em evidência.

No caso, Quentin Tarantino com a estatueta que ganhou pelo roteiro original de Pulp Fiction. O filme que mudou a história do cinema a partir de 1994.

[Ouvindo: Maniqui Parisien – Sarita Montiel]

sábado, 21 de fevereiro de 2009

Um fenômeno chamado Alexa Vega


A primeira vez que postei o vídeo ao vivo de Game Over, na conta que o Google carcomeu, foi pra mostrar o quanto ela cresceu e porque a musiqueta era pegajosa. Até boa de tão ruinzinha.

Não fazia idéia de que a guria, estrela da trilogia Pequenos Espiões de Robert Rodriguez, era uma incontestável celebridade entre os petizes. Pela falta de investimento na carreira de cantora, acho que nem ela sabe disso...

Game Over me rendeu centenas de comentários e milhares de favoritadas! Cheguei a responder cerca de 5 e-mails diariamente sobre isso. Era único no You Tube em todo mundo, embora tenha sido retirado dos extras do DVD Spy Kids 3D - Game Over, facilmente encontrado nas boas casas do ramo a preço de amendoim torradinho.

Xadrez com velcro


Com quase 10 anos de atraso, o cinema brasileiro também abraçou a causa das belas garotas passando o diabo no xilindró. "Gênero" bastante em voga nos exploitation norte americanos 70’s.

A Prisão (capinha achada no Necrofilmes) tem pelo menos uma fabulosa tagline: “Ela acabou se pervertendo sexualmente num calabouço, por uma tarada sádica, e por outras mulheres libidinosas”.

E eu digo: Uau!

Veja também:
Pôster de Fêmeas em Fuga


[Ouvindo: Cachorro Vira-Lata – Carmen Miranda]

Alta costura na clausura


Clausura? A cantora Yolanda Bel (Cristina Sánchez Pascual) chega à paisana ao convento das Redentoras Humilhadas.

Um desbunde cinematográfico chamado Maus Hábitos (Entre Tinieblas, 1983). E falando em Almodóvar, já está disponível no You Tube o primeiro teaser trailer de Los Abrazos Rotos, seu próximo filme. Veja!

Veja também:
Régame!


[Ouvindo: Cary Grant Is Dying – J.R.C.Richardson]

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009

Dando grito


Pinups a dar com pau (no sentido figurado da palavra, lógico!) é coisa do Vintage Girlie Mags.

[Ouvindo: Piddily Patter, Patter – Nappy Brown]

Dinheiro cai bem pra qualquer um


Super bacana encontrar esta foto da “avó” da Ana Maria Braga. As duas são parecidas.

Se bem que pelo bico, a que está nas manhãs da Globo provavelmente tem mais parentesco com a Margarida, né?

Veja também:
Ana Maria Braga diz que é delícia!


[Ouvindo: Propane Nightmares – Pendulum]

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

Pausa para nossos comerciais


Chips e Samba dá Carnaval

Palmas para a originalidade!!! Pelo menos eles inverteram a ordem da frase.
E não há época mais propicia pra clichês da propaganda que o carnaval. Carnaval de ofertas, caia na folia, venha fazer a festa...

[Ouvindo: Ilmo. Sr. Ciro Monteiro ou Receita Pra Virar Casaca de Nenem - Chico Buarque]

Justiça seja feita


Até ter parado pra prestar mais atenção, enquanto dava uma tratada de leve na foto, achava que como a arma branca é uma balancinha, a moçoila não devia ser boa coisa. Subiu no telhado nas mãos de algum justiceiro.

Com calma, levando em conta que o nome do filme é O Signo de Escorpião (1974), aposto meu bigode como a identidade do assassino se revelará porque ele é de libra!

Isso é spoiler? Você corre o risco de assistir a isto algum dia?

A imagem original é um oferecimento de Necrofilmes

[Ouvindo: Jack and Sally Montage – Vitamin String Quartet]

Cinema Acnase


Patrick Dempsey e Amanda (quem?) Peterson deram uma corridinha e ainda pegaram o caldo dos filmes para adolescentes 80’s com este Namorada de Aluguel, ou Can't Buy Me Love (1987). Muito mais visto nas reprises da Sessão da Tarde do que nos cinemas. Acho.

Quem morava em cidade pequena (sem cinema), ou não era rico a ponto de ter um fabuloso VHS, só mesmo esperando passar na Globo. Só ela tinha cacife pra passar os grandes sucessos de Hollywood. Ás outras restava filmes de horror, capa espada e qualquer coisa que raramente desmereciam o título de filme B.

Veja também:
Jane Fonda Workout (Pausa para nossos comerciais)
Curtindo a Vida Adoidado - 22 anos depois
”O Charme diferente dos galãs 1980”



[Ouvindo: You Know Me Better – Roisin Murphy]

Related Posts with Thumbnails