quarta-feira, 23 de setembro de 2009

Julieta lhes diz


Não tem gente que conversa com planta, televisão e outros eletrodomésticos inanimados? Que mal há enviar cartinha para um personagem fictício?

No melhor estilo de quem manda correspondência endereçada a “Papai Noel – Pólo Norte”, dezenas de cartas chegavam diariamente aos correios de Verona (Itália) tendo como destinatária Giulietta Capuleto. Tanto é que no início da década de 80, a empresa contratou Paola Sella para responder manualmente uma a uma.

Segundo a revista Doçura de junho de 1980, a maioria, claro, era pedindo todo tipo de conselho amoroso. Mas veja só! Se a namorada de Romeu Montechio fosse boa mesmo nesses assuntos do coração não teria batido as botas tão cedo.

Procurei alguma informação sobre a atividade nos dias de hoje. Se é que ainda há espaço para tanto romantismo e ingenuidade.

Quem sabe agora Julieta envia e-mails? No site oficial da prefeitura de Verona há um link para Il Club di Giulietta.

[Ouvindo: Perdoai-os, Pai - Ângela Ro Ro]

2 comentários:

Refer disse...

Gostava dessa Julieta Zeffirelli acho que mais pelo fato de ela ter se casado com Dino Martin, filho de Dean Martin e parte do trio pop Dino, Desi & Billy — o Desi era filho de Lucille Ball. Gostava e ainda gosto pra caramba de Dino, Desi & Billy. Não vou recomendar ouvir porque não adianta, vc é manco demais em música. Quem dá luz a cego é Sta. Luzia e eu nunca fui santa, morô?
(olha a Marilyn aí de novo)

Miguel Andrade disse...

Refer, você anda com um (mau) humor daqueles!
Muito bacana esse trio, ó Magnânimo!

Related Posts with Thumbnails