terça-feira, 9 de junho de 2009

Árvore genealógica da família Donald

A “árvore patológica” (clique na imagem para ver maior) foi criada pela própria Disney na ocasião em que comemoravam os 60 anos do Pato Donald. Hoje ele faz 75 anos.

No Brasil este verdadeiro quem é quem de Patópolis foi publicado na revista General número 9. Incluía ao lado a lista dos amigos: Margarida, Lalá, Lelé, Lili e Professor Pardal.

Não sabia que patos podem cruzar com gansos. Muito menos que Della Duck (em português Dumbela), progenitora de Huguinho, Zezinho e Luizinho, portanto, irmã de Donald, é mãe solteira.

Um oferecimento I am 20 going on to 21...

[Ouvindo: Hundred Mile High City – Ocean Colour Scene]

28 comentários:

Refer disse...

Cadê a Maga Patológica? Eu gostava tanto dela que me apaixonei por uma menina no curso de inglês Yázigi, que era a cara dela!

Miguel Andrade disse...

Refer, hahaha! Mas ela não é da família.

Leticia disse...

É Maga Patalógica, com "a", Refer...

E o Patacôncio? Ele não é da família tb., mas meu lance era com o malufento Patacôncio...

Refer disse...

Sim, Leticia, Patalógica.

Aliás, patológico sou eu.

Miguel Andrade disse...

Letícia e Refer, hahahah! E a Maga Patalógica eu achava super chique.

Leticia disse...

Maga? Chiquérrima! Eu já tive um cabelo igual ao dela.

Miguel Andrade disse...

letícia, ela já abusava da chapinha nos idos de 1900 e alguma coisinha.

Olga disse...

AMEI esta árvore genealógica!!! Eu li tanto Pato Donald - meu favorito entre os Ducks - que conhecia bem a história e a glória da família Pato. Li clássicos e clássicos, mas pensava que a Vovó Donalda fosse chamada assim da mesma forma que as "tias" e "vós" das comunidades, entende? Não, ela é a vó meerrrrmo do Donald!!!
Vou copiar sua árvore pra todos os meus filhos!!!
E pro blog também.
beijo

Miguel Andrade disse...

Olga, esses personagens Disney são marcantes. Não curtia muito os quadrinhos deles por achar os balões muito cheios de texto. Mas sempre ganhava uma revistinha ou outra e as tenho guardadas até hoje.

Pois é e a Vovó Donalda é merrrrrmo avó do Donald. O que deixa bizarro ele ser primo do Gansolino.

Refer disse...

Foi justamente essa coisa de cruzar pato com ganso que gerou a frase: 'mudando de pato para ganso...'

Leticia, por acaso vc estudou inglês no Yázigi? Não, né?

Miguel Andrade disse...

Refer, ops! Aguardando a resposta da Letícia.

Daqui a pouco faremos a árvore genealógica la Dolce Vita... :D

Leticia disse...

Eu não, Refer!

Miguel, meu cabelo, tirando a fatídica tinta de agora, era exatamente como o da Patalógica. Num tempo em que todo mundo usava encaracoladinho. Cheguei a fazer uns "suportes", mas no natural ele era assim: liso, fios grossos, quase negros como a asa da graúna.

Miguel Andrade disse...

Letícia, nos idos daquela foto do biquinho a lá Kim Novak, suponho.

Refer disse...

...e o PLUTO é filho da PLUTA!

Miguel Andrade disse...

Refer, e um plutão!

Leticia disse...

Mais tarde que naquela foto...

Miguel Andrade disse...

letícia, você tem uma espécie de linha do tempo com suas fotos? Fiz uma minha certa vez. Assustador! 0_o

Vivir en Tucson disse...

Gracias por poner esto, me encantó!

Miguel Andrade disse...

Vivir, de nada! (como se habla "de nada" após "gracias" in spanish?)

Anônimo disse...

Gente, é PatAlógica... kkkk
todo mundo fala Patológica
patologia é doença

Miguel Andrade disse...

Anônimo, sim, sim, a Letícia já tinha corrigido isso.

Leticia disse...

Não, Miguel, dispenso... Já pensou? Fazer naquele programinha que vai mudando, mudando, como o de Michael Jackson e Sadam de transformando em Lula? Deus me livre!

Miguel Andrade disse...

Letícia, fica engraçado, cheio de momentos felizes e tristes. E alguns estranhamente sem registro.

rockeiro107 disse...

A Dumbela não é mãe solteira, apenas o nome de seu marido não é revelado, mas ela é casada com o pai dos trigêmeos. Tanto é que os moleques foram "passar um tempo" com o Tio Donald devido a uma travessura que aprontaram com o pai e que o mandou para o hospital. No entanto, o que seria "por um tempo", acabou se tornando definitivo, já que a mãe nunca voltou para pegar as crianças. Possivelmente o pai morreu no hospital, mas aí já é especulação.

rockeiro107 disse...

Ah, esqueci de agradecer pelo post! eu tava procurando essa Árvore Patalógica já há tempos! hauihauiah

abraço!

Miguel Andrade disse...

rockeiroi107, opa, legal ter sido útil e obrigado também pelas suas informações. Abraços.

Américo disse...

Eles poderiam colocar os amigos e inimigos tambem ( que fossem patos , lógico, ou associados) num lado separado e outra coisa: faltou o Biquinho

Miguel Andrade disse...

Américo, verdade! A Maga Patalógica deve ser a prima malvada de algum aí...

Quem era o Biquinho mesmo?

Related Posts with Thumbnails